Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/17295
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_AdalayneLisboaSantos.pdf1,41 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: O papel do conflito no trabalho pedagógico na perspectiva dos professores das séries iniciais
Autor(es): Santos, Adalayne Lisbôa
Orientador(es): Henriques, Eda Maria de Oliveira
Assunto: Professores - formação
Conflito (Psicologia)
Pedagogia
Processo de ensino - aprendizagem
Professores de ensino fundamental
Data de publicação: 9-Dez-2014
Referência: SANTOS, Adalayne Lisbôa. O papel do conflito no trabalho pedagógico na perspectiva dos professores das séries iniciais. 2014. 105 f. Dissertação (Mestrado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: A educação da rede pública do Distrito Federal, assim como o sistema educacional brasileiro, de modo geral, não vêm refletindo o rendimento escolar desejado. Mesmo com as metas estipuladas pelo governo em andamento, os desafios que a educação brasileira tem no momento são muitos e têm preocupado a todos. Os dados de pesquisas e avaliações nacionais e internacionais informam que os alunos não estão aprendendo na proporção esperada por estes órgãos. Nesse sentido, como professora da rede pública de ensino, surgiu interesse em realizar esta pesquisa com o propósito de investigar de que forma o professor das séries iniciais percebe o papel do conflito no processo pedagógico. O pensamento complexo de Edgar Morin é a base epistemológica deste trabalho, pois contribui para as reflexões sobre educação a partir de um novo referencial de análise das questões do elenco, cooperarando para outra compreensão sobre a questão do conflito no contexto pedagógico. Para fundamentar a discussão desenvolvida são abordados autores cujos temas são colocados em diálogo, como Piaget – que, entre outras contribuições, trabalha o conceito de conflito –, Vigotski – com ampla presença de seus estudos sobre influência sócio-histórico-cultural no desenvolvimento humano – e Antônio Nóvoa – com sua visão de formação continuada de professores –, entre outros estudiosos. O objetivo geral deste trabalho consiste em contribuir para a compreensão do papel do conflito no processo de ensino e aprendizagem e para a importância da formação continuada dos professores das séries iniciais neste processo. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa que pretende discutir e analisar a concepção de conflito de alguns dos professores das séries iniciais do ensino fundamental de uma escola da rede pública do DF. A coleta de dados da pesquisa foi realizada por meio de entrevistas semiestruturadas, observações e diário de campo. Constatou-se que o professor ainda identifica conflitos, problemas e dificuldades que atrapalham seu trabalho pedagógico trazendo consequências para a sua realização. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The public education in Distrito Federal (DF), as well as the brazillian academical system itself, hasn’t been reflecting the expected educational performance. Despite the in-progress goals determined by the government, the challenges within the brazillian education at the moment are numerous and have been concerning us all. The data from national and international researches and evaluations inform us that the students aren’t learning to the expectations of such study departments. According to that, as a teacher on the public educational system, an interest emerged towards making this research with the purpose of investigating the ways in which a teacher of younger classes sees the role of the conflict in the pedagogical process. The complex thinking of Edgar Morin is the epistemological base in this work, once it contributes to the reflexions on education starting by a new analysis reference of the cast questions, contributing to a different comprehension of the conflict on a pedagogical context. To fundament the developed discussion some authors are mentioned whose themes are put in a dialog. Like Piaget who among other contributions works the concept of conflict, Vigotski who has a great presence of his studies on socio-historical-cultural influence when it comes to the human development and Antônio Nóvoa with his vision of continuous training of teachers, among other scholars. The general objective of this work consists in contributing to the comprehension of the role of the conflict in the process of teaching and learning and also for the importance of the continued training for teachers of younger classes in this process. This is all about a research, of qualitative nature that intends to discuss and analyze the understanding of conflict for some teachers of younger junior classes of a public school in DF. The collection of data of this research was done based on semistructured enterviews, observations and a field diary. It has been found out that teachers still relate conflicts to problems and difficulties that stuck their pedagogical work with consequences for its fulfillment.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2014.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.