Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/17172
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_CeliodeFariaJunior.pdf1,37 MBAdobe PDFView/Open
Title: Caracterização de cepas de Enterobacteriaceae resistentes a carbapenens isoladas no Distrito Federal
Authors: Faria Junior, Celio de
Orientador(es):: Pereira, Alex Leite
Assunto:: Bactérias
Saúde pública - Brasília (DF)
Issue Date: 2-Dec-2014
Citation: FARIA JUNIOR, Celio de. Caracterização de cepas de Enterobacteriaceae resistentes a carbapenens isoladas no Distrito Federal. 2014. 87 f., il. Dissertação (Mestrado em Biologia Microbiana)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Abstract: A emergência global de cepas de entero bactérias resistentes aos carbapenens (ERC)tornou-se um problema de saúde pública em virtude do limitado arsenal terapêutico disponível para o tratamento de infecções causadas por estes organismos multirresistentes. Em Brasília, hospitais públicos e privados relatam a presença decepas produtoras da carbapenemase de Klebsiella pneumoniae - KPC - desde 2010.Além de KPC, as carbapenemases NDM, IMP, VIM e OXA-48 vêm ganhando destaque no contexto mundial. Este trabalho avaliou o perfil de susceptibilidade, bem como a produção de carbapenemase, em 524 cepas de ERC isoladas em hospitais de Brasília entre os anos de 2011 e 2013. As cepas de ERC foram caracterizadas quanto à presença dos genes blaKPC, blaVIM, blaIMP, blaOXA e blaNDM. Klebsiella pneumoniae respondeu por 74% das cepas de ERC isoladas, seguida por Enterobacter aerogenescom 9,4% dos isolamentos. As cepas apresentaram alta frequência de resistência aosβ-lactâmicos testados. Com relação aos carbapenens, a frequência de resistência aoimpenem foi a menor detectada, com 87% das cepas resistentes. Diante dosaminoglicosídeos, a frequência de resistência a tobramicina, gentamicina e amicacinafoi de 60%, 42% e 8%, respectivamente. Para algumas classes de antibióticos foi detectada uma baixa frequência de resistência em função da espécie analisada.Apenas 8% das cepas de ERC da espécie Proteus mirabilis apresentaram resistência ao sulfametoxazol, e na espécie E. aerogenes apenas 2% dos isolados foram resistentes à tetraciclina. O gene blaKPC foi predominantemente detectado nas cepasde ERC analisadas com positividade de 77%, seguido de blaNDM (1,9%) e blaIMP(0,4%). Em 2013, o gene blaNDM foi, pela primeira vez, detectado nos hospitais deBrasília em isolados das espécies Providencia rettigeri (n = 1), K. pneumoniae (n = 2)e P. mirabilis (n = 1). Em 2014, cepas adicionais de K. pneumoniae positivas parablaNDM foram detectadas em diferentes hospitais. Ensaios de RAPD confirmaram adispersão clonal de cepas de K. pneumoniae produtoras de NDM entre hospitais de Brasília. Este estudo alerta para a dispersão do gene blaNDM, detectado em diferentes espécies, e para a emergência de um clone de K. pneumoniae produtor de NDM entre hospitais de Brasília. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The global emergence of carbapenem-resistant Enterobacteriaceae (CRE) strains has become a public health problem due to the limited therapeutic options available to treat infections caused by these multidrug-resistant organisms. In Brasilia, public and private hospitals have reported the presence of Klebsiella pneumoniae carbapenemase (KPC)-producing strains since 2010. In addition to KPC, the NDM, IMP, VIM and OXA- 48 carbapenemases have attracted the global attention. This study evaluated the susceptibility profile as well as the production of carbapenemase in 524 CRE strains isolated in hospitals in Brasília between the years of 2011 and 2013. CRE strains were characterized for the presence of blaKPC, blaVIM, blaIMP, blaNDM and blaOXA genes. Klebsiella pneumoniae accounted for 74% of the isolated CRE strains, followed by Enterobacter aerogenes with 9.4% of the isolates. Strains showed a high frequency of resistance to the tested β-lactams. With regard to carbapenems, the frequency of resistance to imipenem was the lowest detected, with 87% of the strains displaying resistance. Regarding aminoglycosides, the frequency of resistance to tobramycin, amikacin and gentamicin was of 60%, 42% and 8%, respectively. For some antibiotics, a low frequency of resistance was detected depending on the species examined. Only 8% of the CRE strains belonging to the Proteus mirabilis species were resistant to sulfamethoxazole, and in the species of E. aerogenes only 2% of the isolates were resistant to tetracycline. The gene blaKPC was predominant in the studied CRE strains, with positivity of 77%, followed by blaNDM (1.9%) and blaIMP (0.4%). In 2013, the gene blaNDM started to be detected in isolates of Providencia rettigeri (n = 1), K. pneunoniae (n = 2), and P. mirabilis (n = 1) recovered in Brasília hospitals. Early in 2014, additional strains of K. pneumoniae positive for blaNDM were detected in different hospitals. RAPD assays confirmed the spread of a K. pneumoniae clone producing NDM among hospitals in Brasilia. This study warns about the spread of the gene blaNDM, detected in different species, and about the emergence of a single clone of NDM-producing K. pneumoniae among hospitals in Brasília.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Biologia Microbiana, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:IB - Mestrado em Biologia Microbiana (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/17172/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.