Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/16866
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_GuilhermeFerreiradaSilva.pdf12,38 MBAdobe PDFView/Open
Title: Interpretação geológica e geofísica da área de influência da Usina Hidrelétrica de Irapé, MG
Other Titles: Geological and geophysical interpretation near Irapé Dam, MG
Authors: Silva, Guilherme Ferreira da
Orientador(es):: Huelsen, Mônica Giannoccaro Von
Coorientador(es):: Araújo Filho, José Oswaldo de
Assunto:: Sismologia
Usinas hidrelétricas - Minas Gerais
Geofísica
Issue Date: 13-Nov-2014
Citation: SILVA, Guilherme Ferreira da. Interpretação geológica e geofísica da área de influência da Usina Hidrelétrica de Irapé, MG. 2014. xiii, 76 f., il. Dissertação (Mestrado em Geociências Aplicadas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Abstract: Inaugurada em 2006, a Usina Hidrelétrica de Irapé possui a mais alta barragem do país, com 208 metros. Esta vem sendo monitorada pelo Observatório Sismológico da Universidade de Brasília desde o começo do enchimento do seu reservatório. Apresentando sismicidade cau-sada pelo aumento da tensão crustal logo após o início do represamento, a Sismicidade Desen-cadeada por Reservatório da UHE de Irapé permanece como objeto de estudo importante para o entendimento deste fenômeno. O presente trabalho se propõe a estudar a sismicidade regis-trada de janeiro a maio de 2006, assim como a caracterizar a crosta rasa ao redor da UHE de Irapé utilizando mapeamento geológico e a modelagem geofísica, que englobou os métodos gamaespectrométricos, magnetométricos e gravimétricos além da sismologia procurando iden-tificar e descrever as estruturas geológicas e geofísicas que permitam compreender melhor os eventos sísmicos. A estimativa de profundidade de anomalias através do método de deconvo-lução de Euler e da análise do Espectro Radial de potência levou a identificar estruturas de até 10 km de profundidade, em ambos os métodos potenciais, permitindo também identificar a profundidade do limite do Orógeno Araçuaí com seu embasamento no local, Complexo Portei-rinha. A orientação espacial dos eventos sísmicos obtidos pela análise das polaridades e forma de onda condiz com as orientações dos lineamentos de relevo e de anomalias magnéticas. As estruturas encontradas podem ser associadas a uma estrutura maior, de direção principal NE/SW, com dezenas de quilômetros, que seria responsável pela captura dos rios Jequitinhonha e Araçuaí, interpretada neste trabalho como uma estrutura relacionada a uma fase tardia do Evento Brasiliano. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Inaugurated in 2006, the Irapé Hydroelectric Plant has the highest dam in the Brazil, with 208 meters. The Seismological Observatory of the University of Brasilia has monitored this structure since the beginning of the filling of its reservoir. Showing seismicity activity, clearly caused by increased crustal tension just after the start of the impoundment, the seismicity trig-gered by its reservoir remains a very important object of study for understanding this phenom-enon. This work proposes to study the seismicity recorded from January to May 2006, as well as studying the shallow crust around the Irapé Reservoir through geological mapping and geo-physical modeling using gammaspectrometric, magnetic and gravimetric methods to identify and describe the structures that can be responsible for seismic events. The direct modeling using the Euler Deconvolution method and analysis Radially Averaged Power Spectrum led to the identification of anomalies up to 10 km depth in both potential methods, allowing also identify the depth of the boundary with Araçuaí Orogen in its local basement (Complexo Porteirinha). The depth and arrangement of hypocenters found by analyzing the polarity and waveform meets the relief lineaments and magnetic anomalies, as regards the attitude and depth. The features observed can be associated to a larger structure with tens of kilometers, which would be re-sponsible for the capture of rivers and Jequitinhonha Araçuaí, interpreted here as a structure related to a late phase of the Brasiliano-Panafricano Event, with strike-slip sinistral componet, context that one expects to find in the Focal Solution on the seismic events recorded.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, Pós-Graduação em Geociências Aplicadas, Área de Concentração: Geofísica Aplicada, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:IG - Mestrado em Geociências Aplicadas (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/16866/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.