Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/16865
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_MariliaSerenaPortoSotero.pdf9,63 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Tipos de estrutura urbana e consumo de água, análise da morfologia urbana na Bacia Hidrográfica do Riacho Fundo
Autor(es): Sotero, Marília Serena Porto
Orientador(es): Roig, Henrique Llacer
Assunto: Bacias hidrográficas - Distrito Federal (Brasil)
Geologia estrutural
Bacias (Geologia)
Tipos de Estrutura Urbana
Data de publicação: 13-Nov-2014
Referência: SOTERO, Marília Serena Porto. Tipos de estrutura urbana e consumo de água, análise da morfologia urbana na Bacia Hidrográfica do Riacho Fundo. 2014. 125 f., il. Dissertação (Mestrado em Geociências)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: Tipos de Estrutura Urbana (UST) são unidades espaciais mínimas que possuem certa homogeneidade no tipo de cobertura, uso e acesso a ecosserviços. Nesse trabalho o conceito de UST é aplicado a partir da classificação visual manual de fotografias aéreas e análises in situ. O objetivo do trabalho foi mapear classes UST na região intraurbana da Bacia Hidrográfica do Riacho Fundo, no Distrito Federal/Brasil, e analisar essa base comparando-a a variáveis socioeconômicas e dados de consumo de água. A análise demostrou a compatibilidade entre os aspectos morfológicos, funcionais, socioeconômicos e os dados de consumo de água, permitindo considerar que a base UST pode ser usada como um instrumento auxiliar na gestão hídrica urbana. Conclui-se então que a classificação UST dos diversos tipos de elementos morfológicos existentes na área em estudo pode contribuir para a posterior análise geoestatística de dados institucionais. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Urban Structure Types (UST) are minimum spatial unities a certain homogeneity in the cover type, use and access to eco services. In this study the UST concept is applied from the visual classification of aerial photographs and in situ analysis. The analysis showed the compatibility between morphological features, functional, socioeconomics and water consumption data, which allowed to consider that UST base can be used like an auxiliary instrument in the hydric urban management. The conclusion take that the UST classification of the different kinds of urban morphologic in the area of this study can be used to subsidize the posterior geostatistical analysis of institutional data.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, 2014.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:IG - Mestrado em Geociências Aplicadas (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.