Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/16853
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_JoaoAntonioAssisMallmann.pdf975,97 kBAdobe PDFView/Open
Title: Hipnose como dispositivo de mediação entre psicologia clínica e espiritualidade
Authors: Mallmann, João Antonio de Assis
Orientador(es):: Neubern, Maurício da Silva
Assunto:: Hipnose
Espiritualidade
Psicoterapia
Psiquiatria cultural
Issue Date: 12-Nov-2014
Citation: MALLMANN, João Antonio de Assis. Hipnose como dispositivo de mediação entre psicologia clínica e espiritualidade. 2014. ix, 92 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica e Cultura)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Abstract: Esta dissertação se dispõe a discutir a hipnose como um dispositivo que possibilite a mediação entre a espiritualidade e a psicologia clínica. A espiritualidade é uma temática que tradicionalmente ocupou um lugar de marginalidade no contexto científico, entretanto, o interesse pela pesquisa nesse campo perpassa diversas disciplinas da ciência ao longo da história. Grande parte da restrição a diversos fenômenos do campo espiritual se deve ao fato de a ciência trazer enraizada consigo a tese de secularização, concebendo que o conhecimento científico ao lançar-se sobre o mundo poderia garantir todas as respostas para as questões humanas e da natureza. As concepções mais comuns a respeito da espiritualidade propuseram sua compreensão a partir da submissão dos fenômenos espirituais aos dispositivos da ciência moderna, destituindo-os, assim, de seu contexto original. Dessa maneira, a psicologia como um campo de investigação da ciência moderna priorizou perspectivas desqualificadoras e patológicas, perdendo a sensibilidade para compreender a complexa organização e sua articulação com a dimensão subjetiva, assim como os desdobramentos dessa dimensão espiritual sobre a vivência do sujeito. Considerando que 88% da população brasileira considera a temática religiosa importante em suas vidas, torna-se muito comum que as pessoas que buscam a psicologia clínica e a psicoterapia tragam demandas que envolvem a espiritualidade. Um dos objetivos desse trabalho está centrado na discussão da espiritualidade em uma perspectiva ontológica, buscando assim qualifica-la como uma realidade que possui condições específicas para sua existência e exigências próprias. Assim, busca-se realizar uma discussão sobre a psicoterapia, a partir da hipnose, desenvolvendo-a em um espaço que acolha a dimensão espiritual de forma legítima, procurando criar contribuições teóricas e metodológicas que permitam a compreensão da complexa organização das questões individuais e espirituais. O transe adquire papel central nessa discussão por ser qualificado como um elemento que estabelece aproximações com estados de transe vividos em contextos espirituais. Sendo que a hipnose como um dispositivo metodológico do campo científico pode estabelecer a mediação entre o saber psicológico e a espiritualidade de forma que possibilite um diálogo democrático considerando as exigências próprias da realidade espiritual, aliada a princípios da etnopsiquiatria. ____________________________________________________________________________ ABSTRACT
This work proposes a discussion abaut hypnosis as a device that allows mediation between spirituality and clinical psychology. Spirituality is a subject that has traditionally occupied a place of marginality in a scientific context, however, interest in research in this field permeates various disciplines of science throughout history. Much of the restriction to various phenomena of the spiritual field is due to the fact that science can bring rooted the secularization thesis, conceiving that scientific knowledge to pounce on the world could provide all the answers to human affairs and nature. Most common conceptions about spirituality proposed their understanding from the submission of the spiritual phenomena to the devices of modern science, removing them thus from their original context. Thus, psychology as a field of research of modern science prioritized disqualification and pathological perspectives, losing the sensitivity to understand the complex organization of spirituality and its relationship with the subjective dimension, as well as the developments of this size on the experience of the subject. Whereas 88% of the Brazilian population considers the important of the religious themes in their lives, it is very common that people who seek clinical psychology and psychotherapy bring claims involving spirituality. One goal of this work is focused on the discussion of spirituality in an ontological perspective, thus seeking to qualify it as a reality that has specific conditions for its own existence and requirements. Thus, we seek to hold a discussion on psychotherapy, from hypnosis, developing it into a space that embraces the spiritual dimension legitimately seeking to create theoretical and methodological contributions to enable the understanding of the complex organization of individual questions and spiritual issues. The trance acquires central role in this discussion to be qualified as an element establishing approaches to trance states experienced in spiritual contexts. Since hypnosis as a methodological device of the scientific field can establish mediation between psychological knowledge and spirituality in a way that enables a democratic dialogue considering the demands of spiritual reality, combined with the principles of ethnopsychiatry.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:PCL - Mestrado em Psicologia Clínica e Cultura (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/16853/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.