Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/16796
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_MariaDalvireneBraga.pdf2,81 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Estratégias de alunos do 2º ano do ensino médio na resolução de problemas e atividades lúdicas de trigonometria contextualizados
Autor(es): Braga, Maria Dalvirene
Orientador(es): Sá, Antônio Villar Marques de
Assunto: Ensino médio - Brasil
Educação - matemática
Aprendizagem lúdica
Didática - ensino médio
Data de publicação: 7-Nov-2014
Referência: BRAGA, Maria Dalvirene. Estratégias de alunos do 2º ano do ensino médio na resolução de problemas e atividades lúdicas de trigonometria contextualizados. 2014. 140, x, f., il. Dissertação (Mestrado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: O presente trabalho aborda a temática da contextualização no ensino médio brasileiro, destacando as contribuições de metodologias relacionadas à ludicidade e à resolução de problemas no campo da Educação Matemática. São discutidas abordagens da aprendizagem lúdica e da resolução de problemas no ensino da Matemática. Esta proposta foi analisada tomando como base uma pesquisa qualitativa realizada em uma escola pública em Ceilândia, Distrito Federal, que visou provocar uma mudança de atitude frente à aprendizagem lúdica da Matemática, desenvolver o interesse pelo uso de maneiras diversas de se resolver problemas contextualizados, e, enfim, ampliar o sentimento de autoconfiança em relação à própria capacidade dos estudantes em construir conhecimentos matemáticos. O objetivo geral dessa pesquisa foi investigar os desafios e possibilidades de se utilizar a metodologia de resolução de problemas e atividades lúdicas contextualizados em sala de aula com alunos do 2º ano do ensino médio. Os objetivos específicos foram: a) Analisar as estratégias que os alunos do 2º ano de ensino médio estão utilizando na elaboração de resoluções para problemas de trigonometria contextualizados e/ou atividades lúdicas e; b) Analisar as impressões (reações) de alunos do ensino médio a atividades lúdicas e resolução de problemas em aulas de Matemática. Para atingir esses objetivos, desenvolvemos esta pesquisa em uma turma entre abril de 2012 e setembro de 2013. O estudo foi realizado a partir de coleta de dados, por meio de entrevistas semiestruturadas, de observação participante, de diário de campo e da análise de produções dos alunos. Os resultados mostram que ainda existe um longo caminho a percorrer até que se consiga trabalhar a resolução de problemas contextualizados e as atividades lúdicas como metodologia. São necessárias novas pesquisas com esta temática que, quando aplicada, poderá trazer bons resultados no processo de aprendizagem dos estudantes. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This paper approaches the subject of contextualization at Brazilian high School, highlighting the contributions of methodologies about the playfulness and problem solving in mathematics education. Playful approaches to learning and problem solving are discussed in mathematics teaching. This proposal was examined through a qualitative research developed in a public school in Ceilândia, Federal District, which aimed to elicit a change of attitude towards playful learning of mathematics. Then, it sets up the interest in the use of different ways for solving problems in context, and finally, it expands the sense of self related to students' own ability to construct mathematical knowledge. The overall objective of this research was to investigate the challenges and possibilities of using the methodology of problem solving and contextualized playful activities in the classroom with students from 2nd grade of High school. The specific goals were aimed at: a) examine the strategies which the students from 2nd grade of high school are using in drafting resolutions to contextualized problems of trigonometry and or playful activities e; b) Analyze the impressions (reactions) of High school students to playful activities and problem solving into mathematics classes. In order to achieve these goals, we have developed this research between April 2012 and September 2013. The study was managed from data collection through semi-structured interviews, participant observation, field diary and analysis of students' productions. The results display that there is still a long journey to reach until the moment it is possible to work contextualized problem solving and playful activities as methodology. It is necessary to have further research on this theme. Thus, if it starts working, it might bring significant result into the student learning process.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação, 2014.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.