Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/16674
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_CarolineSoaresSantos.pdf1,65 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Àrea de risco ou área de rico : teorias sobre política, direito e respeito na Cidade Estrutural.
Autor(es): Santos, Caroline Soares
Orientador(es): Rosa, Marcelo Carvalho
Assunto: Cidade Estrutural (DF)
Luta política
Data de publicação: 30-Out-2014
Referência: SANTOS, Caroline Soares. Àrea de risco ou área de rico : teorias sobre política, direito e respeito na Cidade Estrutural. 2014. 192f., il. Tese (Doutorado em Sociologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: O trabalho tem como objetivo investigar os sentidos da luta política na Cidade Estrutural, Região Administrativa do Distrito Federal próxima ao Plano Piloto da capital federal. Em um trabalho em parceria com o Ponto de Memória da Estrutural foram entrevistados antigos e novos moradores da cidade, que refazem a trajetória de luta pela regularização da área em que moram ou moravam. Além das entrevistas, a pesquisa se baseia em um trabalho de etnográfico, realizado pela autora, com a proposta de romper com os limites institucionais da participação e entender a política como parte da vida cotidiana da Estrutural. No decorrer da pesquisa são feitos diálogos com a teoria sociológica, sobretudo no tocante aos debates sobre participação política, movimentos sociais urbanos e lutas por reconhecimento. A partir de uma memória coletiva, das relações estabelecidas com a sociedade de fora da cidade, com o governo e com políticos profissionais, constroem-se bases para entender as formas e discursos políticos decorrentes do aprendizado gerado pelos processos políticos vivenciados na Estrutural e as estratégias utilizadas para se manter neste local onde hoje se situa. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The objective of this work is to investigate the meanings of political struggle in Cidade Estrutural, an administrative region of the Federal District, situated near the Plano Piloto, in the capital of Brazil. In partnership with the Ponto de Memória da Estrutural, former and current residents were interviewed, hence remaking the trajectory of struggle to regulate the area where they live or have lived. In addition to interviews, the research is based on the author’s ethnographic work aiming at breaching the institutional limits of participation and understanding politics as part everyday life in Estrutural. Alongside the research, there is the dialogue with sociological theory, more importantly on the debates about political participation, social urban movements and struggles for recognition. From a collective memory, and from the relations established with society outside the city, with the government, and with professional politicians are built the basis to understand forms and political discourses that come from the very learning of political processes experienced in Estrutural and the strategies used to remain in that place.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, 2014.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:SOL - Doutorado em Sociologia (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.