Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/15837
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_PesquisaEtnograficaJovens.pdf419,38 kBAdobe PDFView/Open
Title: Pesquisa etnográfica com jovens e crianças na cidade do Recanto das Emas DF
Authors: Borges, Antonádia Monteiro
Assunto:: Etnografia
Juventude - Distrito Federal
Antropologia cultural
Issue Date: 2010
Publisher: Departamento de Ciências Sociais - Universidade Estadual de Maringá
Citation: BORGES, Antonádia. Pesquisa etnográfica com jovens e crianças na cidade do Recanto das Emas DF. Revista Espaço Acadêmico, Maringá, v. 9, n. 105, p. 20-29, 2010. Disponível em: <http://www.periodicos.uem.br/ojs/index.php/EspacoAcademico/article/view/9188/5239>. Acesso em: 16 jun. 2014.
Abstract: Este artigo versa sobre um processo coletivo de pesquisa etnográfica que conta com jovens, moradores da cidade do Recanto das Emas-DF, na equipe de investigação. Tal experiência coloca a antropologia que fazemos diante de férteis questões. Temos o desafio à perspectiva genética que busca conexões causais para explicar os indivíduos, como se esses estivessem presos em uma cadeia incontornável, aonde as novas gerações são tão somente o devir das anteriores. Por outro lado, presenciamos os limites da discursividade oral na produção da tessitura biográfica dos sujeitos, atentos e envolvidos com outras formas de expressão de si mesmos que não se restringem à palavra falada. Esses dois eixos de questionamento constituem a base para uma exploração de situações etnográficas aonde a antropologia da vida local mostra seus limites e seus alcances. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
In this article we reveal how a collective process of ethnographic research has been developed through the participation of young neighbors from Recanto das Emas –DF in the academic team. These research fellows challenge causal explanations so usual in anthropological accounts, insofar they don’t recognize themselves as just a step-further or a reproduction of what their parents have done. Furthermore they use other channels of communication, far beyond interviews, to grasp a new and broader understanding of their lives. They suspect of the world at the same time and level as they suspect of any “solid” technique of social investigation. In this paper we explore the limits and achievements of our collective endeavor.
Licença:: Autorização concedida ao Repositório da Universidade de Brasília (RIUnB) pelo editor, em 13 de junho de 2014, para disponibilização dos artigos dos professores da UnB publicados na Revista Espaço Acadêmico.
Appears in Collections:DAN - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/15837/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.