Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/15501
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Morfo-anatomiaFrutosSecos.pdf658,92 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Morfo-anatomia de frutos secos em espécies de Apocynaceae : significado ecológico e evolutivo
Outros títulos: Morphoanatomy of dry fruits in Apocynaceae species : ecological and evolutionary significance
Autor(es): Gomes, Sueli Maria
Assunto: Frutos secos
Anatomia vegetal
Plantas - desenvolvimento
Data de publicação: Abr-2008
Editora: Publication of Sociedade Botânica do Brasil
Referência: GOMES, Sueli Maria. Morfo-anatomia de frutos secos em espécies de Apocynaceae: significado ecológico e evolutivo. Acta Botanica Brasilica, São Paulo, v. 22, n. 2, p. 521-534, abr./ jun. 2008. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062008000200019>. Acesso em: 15 jan. 2014.
Resumo: Frutos secos predominam entre as espécies de Apocynaceae, especialmente aqueles do tipo folículo, apontado na literatura para Aspidosperma parvifolium A.DC., Mesechites mansoana (A.DC.)Woodson e Prestonia coalita (Vell.)Woodson. Frutos fechados e abertos destas espécies foram examinados anatomicamente com o objetivo de confrontar suas características com aquelas de outras espécies da família. Constatou-se que os frutos de P. coalita são cápsulas bicarpelares septicidas, significando a presença de dois tipos de frutos neste gênero, em lugar de apenas um, como se pensava anteriormente. Cápsulas podem estar presentes em outras espécies de Prestonia e em outros gêneros da família relatados como tendo folículos. Para Apocynaceae, alguns caracteres taxonômicos devem ser considerados, como espessura e número de camadas das regiões e sub-regiões do pericarpo; presença de aerênquima, esclereídes, fibras longitudinais não-lignificadas ou idioblastos secretores no mesocarpo; posicionamento dos feixes vasculares no mesocarpo; espessura do endocarpo e orientação de suas fibras; presença de costas internas no pericarpo. Adicionalmente, discutiu-se sobre o papel das costas internas do pericarpo e das fibras nãolignificadas do mesocarpo para o mecanismo xerocástico. Desenvolveu-se um teste de desidratação total para determinar a curvatura máxima do pericarpo, relacionando as implicações com a deiscência.
Abstract: Dry fruits predominate in Apocynaceae species, especially the follicle type reported for Aspidosperma parvifolium A.DC., Mesechites mansoana (A.DC.) Woodson and Prestonia coalita (Vell.)Woodson. Anatomical analysis of intact and open fruits was carried out to compare characteristics with those of other species of this family.We found that the fruit of P. coalita is a bicarpellary septicidal capsule, showing that this genus has two types of fruits instead of one as previously thought. Capsules may be found in other Prestonia species and in other Apocynaceae genera reported as having follicles. For Apocynaceae, some taxonomic characters should be considered such as thickness and number of pericarp layers and sublayers; presence of aerenchyma, sclereids, non-lignified fibres, secretory idioblasts in the mesocarp; vascularbundle position in the mesocarp; endocarp thickness and fibre orientation; presence of internal ribs in the pericarp. Furthermore, the role of the internal ribs of the pericarp, as well as the non-lignified mesocarp fibres for the xerocastic mechanism are discussed. A total dehydration test was developed to determine maximum pericarp curvature and its implications for the dehiscence process.
Licença: Acta Botanica Brasilica - Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons (Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0)). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062008000200019. Acesso em: 15 jan. 2014.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-33062008000200019
Aparece nas coleções:BOT - Artigos publicados em periódicos



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.