Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1518
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_MiguelAngelMarderoArellano.pdf3,8 MBAdobe PDFView/Open
Title: Critérios para a preservação digital da informação científica
Authors: Márdero Arellano, Miguel Ángel
Orientador(es):: Cunha, Murilo Bastos da
Assunto:: Preservação digital
Preservação digital - critérios
Repositório digital
Modelo de referência OAIS
Informação científica
Issue Date: 4-Dec-2008
Citation: MÁRDERO ARELLANO, Miguel Ángel. Critérios para a preservação digital da informação científica. 2008. 356 f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: O presente trabalho tentou responder ao desafio de identificar um conjunto de critérios de preservação digital essenciais para os sistemas de informação científica nas unidades de pesquisa do Ministério da Ciência e Tecnologia do Brasil. Para a elaboração da proposta de critérios, formularam-se quatro objetivos específicos: a) caracterizar o estado atual das práticas de preservação digital; b) identificar na literatura científica os critérios usados na construção dos sistemas de preservação digital em funcionamento; c) identificar as necessidades de preservação digital do grupo de instituições selecionadas para o estudo, e d) identificar os conceitos e aplicações usados que podem interferir ou não na implementação de procedimentos padronizados de preservação digital da informação científica. Constatou-se, por meio da revisão da literatura, a inexistência de avaliações dos fundamentos teóricos dos critérios e requisitos de preservação digital adotados em projetos internacionais, e que são poucos os estudos que calculam os benefícios observados em sua aplicação. Tanto a arquivologia quanto a ciência da informação têm na preservação digital um objeto de estudo que engloba todas as tarefas envolvidas no fluxo informacional, mas são áreas que estão começando a propor padrões, normas, políticas e procedimentos para o arquivamento digital. Um critério que se destaca no desenvolvimento das práticas de preservação digital citadas na literatura é o da confiabilidade, determinante na formação do conjunto de critérios aqui propostos. A metodologia adotada baseou-se no uso das técnicas de questionário, entrevista, observação e análise etnográfica de conteúdo, sob a perspectiva de David Altheide. Para poder conhecer as abordagens teóricas e metodológicas que têm sido publicadas, realizou-se um estudo bibliométrico descritivo, coletando dados de referências bibliográficas sobre o tema da preservação digital do período de 1996 até 2007. A análise dessa produção científica utilizou o Statistical Package for the Social Sciences-SPSS. A análise dos dados qualitativos coletados na pesquisa de campo mostrou que a maioria dos responsáveis pelos centros de informação e bibliotecas do Ministério da Ciência e Tecnologia percebe a preservação digital como os procedimentos relacionados com a capacidade de armazenamento, migração e disseminação de conteúdos que, em sua maioria, são administrados de forma centralizada. Apenas os representantes de uma instituição reconheceram a importância das políticas institucionais na definição das funções de inserção e gerenciamento dos conteúdos arquivados na sua biblioteca digital. Os critérios de preservação digital propostos estão relacionados aos aspectos institucionais (Confiabilidade, Responsabilidade Política e Sustentabilidade Econômica) e aos aspectos gerenciais Inclusão em repositórios digitais, Transparência e Acessibilidade de longo prazo). Estes critérios são considerados elementos determinantes das propriedades relativas aos sistemas de gerenciamento de informação científica. Entre as sugestões para estudos futuros, recomenda-se o desenvolvimento de pesquisas sobre a aprendizagem e aplicação de normas e padrões pelos integrantes das equipes que gerenciam os sistemas de informação científica do governo, a inclusão de uma discussão detalhada sobre metadados de preservação para informação científica e sobre o gerenciamento de longo prazo dos direitos autorais no ambiente digital. __________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This thesis aims to propose a Digital Preservation Criteria Set which is crucial for scientific information systems in the research units of the Science and Technology Ministry of Brazil. Four objectives were formulated in proposing the criteria: a) describe the digital preservation procedures currently being used; b) identify in scientific literature the key criteria used in building digital preservation systems; c) identify the digital preservation demands from the sampled research units; and d) identify both concepts and procedures that might interfere with standard digital preservation procedures of scientific information. A literature review has highlighted that a theoretical evaluation of both digital preservation criteria and requirements from international projects is nonexistent. It also highlighted that there are a very limited number of studies assessing the benefits produced by the application of this criteria and these requirements. Within the context of digital preservation both Archivistic and Information Science systems deal with tasks related to information flow. Only recently, are these areas proposing patterns, norms, policies and procedures directed to digital archiving. Trustworthy is a criteria for digital preservation procedures that stands out in the Scientific literature and is critical in identifying the digital preservation criteria set for scientific information. The proposed digital preservation criteria set is related to institutional aspects (Trustworthy, Political Responsibility and Economic Sustainability) and management aspects (Digital Repository Inclusion, Transparency, and Long-term Accessibility). These criteria are considered determinant elements in the management proprieties of administration systems for scientific information. The methodology in data collection included surveys, interviews, observation, and ethnographic content analysis according to David Altheide's approach. A descriptive bibliometric study was conducted in order to identify both the theoretical and methodological approaches in digital preservation literature from 1996 to 2007. Data analysis was performed using the Statistical Package for the Social Sciences-SPSS. Qualitative data from field research indicated that most of the information unit managers consider digital preservation as procedures related to storage capacity, migration and content dissemination. They also realize that these procedures are administered in a centralized manner. Only one research unit's participants recognized the importance of institutional policies in defining data ingest functions and management of contents archived in the institutional digital library. Suggestions for future studies include investigating the acquisition and application of Norms and Standards by government staff responsible for the administration of scientific information systems and extensive discussions both on Preservation Metadata relating to scientific information and Long-term management of propriety rights within the digital environment.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação, Departamento de Ciência da Informação e Documentação, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2008.
Appears in Collections:FCI - Doutorado em Ciência da Informação (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/1518/statistics">



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons