Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/14654
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_MariaCarolinaMotaPereiraAragao.pdf915,79 kBAdobe PDFView/Open
Title: Trajetórias industriais : uma análise no espaço-indústria
Authors: Aragão, Maria Carolina Mota Pereira
Orientador(es):: Arbache, Jorge Saba
Assunto:: Indústrias
Desenvolvimento econômico
Produto interno bruto (PIB)
Issue Date: 20-Nov-2013
Citation: ARAGÃO, Maria Carolina Mota Pereira. Trajetórias industriais: uma análise no espaço-indústria. 2013. 94 f. Dissertação (Mestrado em Economia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2013.
Abstract: O presente trabalho faz uso do “espaço-indústria”, um lócus onde se confrontam a participação da indústria no PIB e o valor per capita adicionado pela atividade industrial, que aqui denominaremos densidade industrial. O espaço– indústria divide-se em quatro quadrantes, onde a linha horizontal é a média da densidade industrial da amostra de países, enquanto a linha vertical é a média da participação no PIB. Usaremos o diagrama espaço-indústria como mecanismo de análise do desenvolvimento industrial, investigando a “distribuição industrial” ao longo do tempo, assim como as trajetórias individuais de determinados países. Ainda que os sejam intimamente relacionados e até mesmo complementares no desenvolvimento industrial de um país, pretendemos mostrar nesse trabalho que os mesmos são dominados por dinâmicas distintas, e nesse ambiente as escolhas de políticas produtivas tornam-se fundamentais na determinação da estrutura setorial e no grau de elaboração da manufatura de um país. Utilizando uma amostra selecionada, a análise de dados de painel através de um modelo de Seemingly Unrelated Regressions (SUR) revela que os indicadores de participação setorial e densidade industrial são de fato governados por dinâmicas diferentes, implicando a necessidade de escolhas na produção industrial, sequenciamento e políticas de longo prazo na condução do desenvolvimento produtivo. A análise desenvolvida no trabalho nos leva a acreditar na existência uma sequência de etapas no desenvolvimento industrial: usando o espaço-indústria, uma política industrial tradicional poderia ser descrita como um “c” invertido, onde a trajetória das economias maduras se completaria no quadrante superior esquerdo. _________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This paper uses the space-industry, a locus where the share of manufacturing in GDP and per capita value added by industrial activity, which we will call here industrial density, are confronted. The industry-space is divided in four quadrants, where the horizontal line is the mean value of density of the sample industrial countries while the vertical line is the average share of manufacturing in GDP. We will use the space-industry diagram as a mechanism to analyze the industrial development, investigating the "industrial distribution" over time, as well as individual trajectories of certain countries. Although the indicators used in this analysis are closely related and even supplementaries in the development of a country´s industry, we intend to show that they are dominated by different dynamics, and in this environment productive policy choices become fundamental in determining the sector´s structure and the degree of elaboration of a country´s manufacturing. Using a selected sample, the panel data analysis through a model of Seemingly Unrelated Regressions (SUR) shows that indicators of sector´s share and industrial density are indeed governed by different dynamics, implying the need to make choices in industrial production, following sequenced and long-term policies in the conduction of productive development. The analysis carried in this paper leads us to believe there is an order of steps in industrial development: using space-industry, traditional industrial policy could be described as an inverted "c" where the trajectory of mature economies would be completed in the upper left quadrant.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Departamento de Economia, 2013.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:ECO - Mestrado em Economia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/14654/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.