Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/14458
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_RubensCamposdeLacerdaJunior.pdf1,11 MBAdobe PDFView/Open
Title: Efeito do compartilhamento de recursos através do casamento sobre a determinação da riqueza no Brasil
Authors: Lacerda Júnior, Rubens Campos de
Orientador(es):: Souza, Marcelo Medeiros Coelho de
Assunto:: Elites (Ciências sociais)
Renda - distribuição
Classes sociais
Issue Date: 30-Oct-2013
Citation: LACERDA JÚNIOR, Rubens Campos de. Efeito do compartilhamento de recursos através do casamento sobre a determinação da riqueza no Brasil. 2013. ix, 144 f., il. Dissertação (Mestrado em Sociologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2013.
Abstract: Este trabalho tem por objetivo verificar em que medida a condição de riqueza está relacionada à formação de núcleos familiares através do matrimônio e ao efeito intergeracional do núcleo familiar (cônjuges) sobre as oportunidades de seus filhos. É proposto por este trabalho que o casamento é um dos mecanismos que permitem aos indivíduos alcançar ou manter a condição de rico. É parte central do argumento desenvolvido, o entendimento da família como um elemento estrutural importante para a compreensão da desigualdade de renda brasileira. Assume-se que a assimetria no acesso a ativos, entre famílias, permite a concentração de renda, ou seja, favorece aos mais ricos. Os efeitos da família sobre a determinação da condição de rico foram divididos em duas hipóteses. A primeira hipótese propõe que a condição de riqueza é alcançada ou mantida através da concentração de recursos econômicos realizada no momento do matrimônio, em razão da união entre duas pessoas com rendimentos semelhantes e elevados. Os resultados encontrados validam essa proposição. A segunda hipótese desse trabalho apresenta dois estágios. O primeiro propõe que conforme a formação de matrimônios ocorre entre pessoas de escolaridade semelhante e cada vez mais elevada, cresce a capacidade de transmissão de recursos educacionais dos pais para seus filhos. O segundo propõe que a transmissão desses recursos educacionais entre pais ricos e seus filhos ‒ cuja idade varia entre 8 e 18 anos ‒ seria superior àquela encontrada em qualquer outro estrato. O primeiro segmento proposto foi validado. O segundo estágio, fundamental para o estudo dos determinantes da condição de rico, todavia, não foi corroborado pelos resultados obtidos. Os filhos de famílias ricas não parecem se aproveitar, durante o Ensino Fundamental e Médio, das vantagens oriundas do maior volume de recursos educacionais em posse de seus pais. Os resultados encontrados levam a crer que seja necessário estudar o efeito da composição dos matrimônios dos pais sobre escolaridade dos filhos de famílias ricas nos níveis educacionais superiores. Esta pesquisa corroborou a importância explicativa do compartilhamento de recursos sociais entre membros de uma mesma rede. Os recursos que circulam na rede familiar de cada pessoa se mostraram importantes não somente para a explicação da desigualdade social brasileira, medida através das distribuições de renda e escolaridade, como também se apresentou capaz de influenciar diretamente a condição de riqueza por meio do efeito da formação dos laços matrimoniais e da consequente distribuição da renda entre as famílias. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This work intents to verify the extent to which the condition of being rich is related to the creation of new families through marriage and to the intergenerational effect of family‟s core (spouses) on the opportunities of their offspring. This work proposes that marriage is one of the mechanisms which allow a person to achieve or preserve the condition of being rich. The perception of family as an important structural element for the comprehension of Brazilian income inequality is fundamental to the argument stated. It is assumed that the asymmetry between families to access assets allows income inequality and favors the richer. The family effects over the condition of being rich were divided into two hypotheses. The first one proposes that the condition of being rich is achieved or maintained through the economic resources concentration performed by marriage ‒ as a result of the union of two high-income individuals. The results validate this proposition. The second hypothesis presents two stages. The first stage proposes that marriages happen between individuals with similar education level and, as the educational level of both spouses grows, the capability to transfer educational resources from the relatives to their offspring grows too. The second stage proposes that the transmission of these educational resources from rich families to their offspring ‒ whose age range from 8 to 18 years ‒ would be higher than the transmission performed by families of others classes. The results corroborate the first stage of the second hypothesis, but they do not corroborate the second. The offspring of rich families do not appear to take advantage, during elementary or high school, from the higher educational resources owned by their parents. The results show the need to study the effect from the marriage of rich parents on their offspring while they reach higher educational levels compared to families of other classes. This research corroborates the explanation relevance of sharing social resources between members of the same social network. The resources embedded at a familiar network showed importance not only to explain Brazilian social inequality, measured by the income and educational distribution, as also showed capable to directly influence the condition of being rich through the effect produced by marriage ties and the consequent income distribution between families.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, Programa de Pós-Graduação em Sociologia, 2013.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:SOL - Mestrado em Sociologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/14458/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.