Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/14271
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_EdnalvaAlvesLima.pdf1,69 MBAdobe PDFView/Open
Title: Crenças ambientais de camponeses maranhenses relacionadas ao uso e conservação da água
Authors: Lima, Ednalva Alves
Orientador(es):: Pato, Claudia Márcia Lyra
Assunto:: Educação ambiental
Água - conservação
Água - uso
Camponeses - Maranhão (MA)
Issue Date: 7-Oct-2013
Citation: LIMA, Ednalva Alves. Crenças ambientais de camponeses maranhenses relacionadas ao uso e conservação da água. 2013. xiii, 109 f., il. Dissertação (Mestrado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2013.
Abstract: A água é um bem fundamental para a sobrevivência da biodiversidade do planeta. Entretanto, sua escassez qualitativa e quantitativa é um dado de realidade a ser enfrentado por esta e pelas futuras gerações. Este trabalho buscou conhecer as crenças ambientais de camponeses maranhenses sobre a água com vi stas a resgatar o saber tradicional inerente à cultura campesina que emergiria das crenças ambientais associadas à água. Considerando que os camponeses possuem um saber enraizado na tradição de cuidar do outro, das pessoas, supôs- se que teriam uma relação mais harmônica e equilibrada com a água. A pesquisa qualitativa de cunho etnográfico desenvolveu-se em quatro municípios do Maranhão. Foram realizadas observações participantes e entrevistas semiestruturadas com 23 camponeses, com idades entre 45 e 88 anos, dos quais 60% eram homens, sendo seis com participação ativa em movimentos sociais. Os resultados indicaram que esses camponeses apresentam crenças ambientais ecocêntricas, revelando um sentido de pertencimento à natureza. As principais crenças foram de que água é vida, essencial para a sobrevivência de todos e de que pode faltar água no Maranhão. Os participantes apontam ações dos grandes projetos, como plantio de soja e exploração de gás natural, assim como o desmatamento e as queimadas, como responsáveis pelos impactos ambientais negativos sobre a água e chamam a atenção para o uso insustentável que se faz dela. Pode-se inferir que há um forte apelo pela conservação da água e que este elemento possui um caráter simbólico e mítico para os camponeses. Neste sentido, percebe-se a possibilidade de a educação ambiental mediar um diálogo entre os saberes da tradição camponesa e os saberes construídos pela escola. A transversalidade e a interdisciplinaridade podem ser modos de se trabalhar o conhecimento e estabelecer diálogos entre os saberes tradicionais, dos camponeses, e os saberes sistematizados pela escola. É importante a continuidade de estudos nessa linha, que contribuam para a construção de métodos que aproximem os diversos saberes e permitam a valorização da cultura tradicional, bem como o uso sustentável da água no Maranhão e no Brasil. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The water is a key to the survival of the planet's biodiversity. However, its qualitative and quantitative shortages are a fact of reality to be faced by this and future generations. This study aimed to know the environmental beliefs of peasants of the state of Maranhão, Brazil, on water in order to rescue the knowledge inherent in the traditional peasant culture that emerge from environmental beliefs associated with water. Whereas the peasants have a knowledge rooted in the tradition of caring for others, of people, it was assumed that they would have a more harmonious and balanced with water. The ethnographic qualitative research developed in four municipalities of Maranhão. Were conducted participant observations and semi-structured interviews with 23 farmers, aged between 45 and 88 years, of which 60% were men, six had active participation in social movements. The results indicated that these peasants have ecocentric environmental beliefs, revealing a sense of belonging to nature. The main beliefs were that water is life, essential for the survival of all and that may lack water in Maranhão. Participants indicate actions of large projects such as planting soybeans and natural gas exploration, as well as deforestation and burning, as responsible for negative environmental impacts on water and call attention to the unsustainable use made of it. It can be inferred that there is a strong appeal for water conservation and that this element has a symbolic character and mythical to the peasants. In this sense, we see the possibility of environmental education mediate a dialogue between the knowledge of peasant tradition and knowledge built by the school. Transversality and interdisciplinary may be ways of working knowledge and establish dialogues between traditional knowledge, peasants, and systematized knowledge by the school. It is important to continue this line of studies that contribute to the construction of methods that integrate diverse knowledge and allow the appreciation of traditional culture as well as the sustainable use of water in Maranhão and Brazil.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2013.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/14271/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.