Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/14105
Title: Análise do secretoma/excretoma da forma tripomastigota de Trypanosoma cruzi
Authors: Machado, Mara Olimpia
Orientador(es):: Charneau, Sébastien Olivier
Assunto:: Trypanosoma cruzi
Chagas, Doença de
Espectrometria de massa
Issue Date: 10-Sep-2013
Data de defesa:: 26-Mar-2013
Citation: MACHADO, Mara Olimpia. Análise do secretoma/excretoma da forma tripomastigota de Trypanosoma cruzi. 2013. 109 f. il. Dissertação (Mestrado em Patologia Molecular)—Universidade de Brasília, Brasília, 2013.
Abstract: A doença de chagas, também conhecida como tripanossomíase americana, encontra-se entre as Doenças Tropicais Negligenciadas com maiores taxas de prevalência no Brasil. A transmissão se da, principalmente, por duas vias: pelas fezes do vetor triatomíneo e por transfusão sanguínea. Seu agente etiológico é o Trypanosoma cruzi, um protozoário flagelado. Nos vertebrados, os tripomastigotas, forma infectante do T. cruzi, podem aderir e penetrar em quase qualquer célula hospedeira. Nesses processos estão interligadas as proteínas da superfície celular e as secretadas. Para caracterização das proteínas secretadas/excretadas pelo tripomastigota, utilizou-se a abordagem proteômica por nanoLC-MS/MS. Identificou-se as proteínas totais secretadas e realizou-se estudos preliminares de proteínas glicosiladas e fosforiladas. Os dados foram analisados por bioinformática. Encontrou-se um total de 535 proteínas distintas, destas 24 eram proteínas glicosiladas e 40 fosforiladas. Em sua grande maioria, baseado em algoritmos de predição por análise de sequencias, apresentam-se como secretadas, principalmente pela via não clássica (65%) e não pela via clássica (15%). As demais proteínas (20%) não foram preditas como secretadas, porém entre estas incluem-se proteínas já descritas anteriormente como liberadas no meio extracelular. Isso reflete provavelmente a limitação dos softwares bioinformáticos disponíveis e da peculiaridade do modo de liberar proteínas pelo parasito no meio externo. Este estudo apresenta uma abordagem adequada para identificar uma grande diversidade de proteínas secretadas no sobrenadante da cultura de T. cruzi e oferece novas perspectivas para o estudo de moléculas potencialmente envolvidas nas fases iniciais da infecção, já que tais proteínas são mediadores-chave da interação parasito-hospedeiro.
Abstract: Chagas disease, also known as American trypanosomiasis, is found to be one of the Tropical Neglected Diseases with highest prevalence in Brazil. The transmission occurs, mainly, for two ways: the vector triatomine faecal matter and blood transfusions. Its etiological agent is Trypanosoma cruzi, a flagellate protozoan. On vertebrate, the trypomastigote, infected form of T. cruzi, can adhere and penetrate in almost any host cell. On these processes both the secreted and the cellular surface protein are nterlocking. To character both secreted/ excreted proteins by trypomastigote, was used a proteomics approach by nanoLC-MS/MS. It was identify the total secreted proteins and preliminary studies of glucose and phosphorylation was held. The data were analyzed by bioinformatics. It was found a total of 535 distinct proteins, among 24 were glycosylated and 40 were phosphorylated. The great part, based on sequential analysis of prediction algorithms, was presented as secreted, mainly by a non-classical way (65%), and not by a classic way (15%). The remaining proteins (20%) were not predicted as secreted, however among them there are proteins described previously released into the extracellular environment. This, probably, reveals the limitation of bioinformatic software available and the peculiarity of the mode of release proteins by the parasite in his medium. This study presents an adequate approach to identify a great diversity of proteins secreted in the T. cruzi culture supernatant and it also offers new perspective to the study of molecules potentially involved on the initial phases of the infection, since such proteins are key mediators of the interaction parasite-host.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Patologia Molecular, Laboratório de Bioquímica e Química de Proteínas, 2013.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Coorientador(es):: Ricart, Carlos André Ornelas
Appears in Collections:FMD - Mestrado em Patologia Molecular (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_MaraOlimpiaMachado.pdf1.84 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.