Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1395
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_2007_EricaKobayashi.pdf1,15 MBAdobe PDFView/Open
Title: Prevalência de anomalias dentárias em dentição decídua de pré-escolares atendidos na escola do Sesc Dourados/MS
Authors: Urio, Erica Kobayashi
Orientador(es):: Poppe, Ana Carolina Acevedo
Assunto:: Dentes decíduos
Anomalia dentária
Prevalência de anomalia
Anomalia em dentição permanente
Issue Date: 4-Mar-2009
Citation: URIO, Erica Kobayashi. Prevalência de anomalias dentárias em dentição decídua de pré-escolares atendidos na escola do Sesc Dourados/MS. 2007. 58 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde)-Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Abstract: A dentição decídua inicia seu desenvolvimento entre a 6ª e a 8ª semana de vida intra-uterina, cada dente se desenvolve em diferentes momentos, porém o processo de formação ocorre de forma semelhante em todos os dentes. As alterações que ocorrem no processo de desenvolvimento dentário são denominadas anomalias dentárias. Dentre as anomalias podem ser identificadas as anomalias de número: hipodontia e hiperdontia; e as de forma: fusão e geminação. A ausência congênita de dentes pode ser classificada como hipodontia, oligodontia ou anodontia. Anodontia se refere à ausência completa dos dentes; oligodontia se refere à ausência de seis ou mais dentes e a hipodontia é comumente utilizado quando acomete menos de seis dentes, excluindo os terceiros molares. Hiperdontia é o desenvolvimento de um número maior de dentes pelo indivíduo, os dentes que excedem o número normal são denominados supranumerários. A fusão caracteriza-se pela união de dois germes dentários individuais com confluência na dentina e a geminação é a tentativa de divisão de um único germe dentário em dois dentes. Este estudo teve como objetivo descrever a prevalência de anomalias do desenvolvimento dentário em dentição decídua e sua correlação com anomalias na dentição permanente. Para este propósito, foram analisados 240 prontuários de crianças pré-escolares atendidas na Escola do SESC Dourados/MS – Educação Infantil nos anos de 2005 e 2006. As crianças com diagnóstico de hiperdontia, hipodontia e dentes duplos foram submetidas a exame radiográfico e fotográfico. Neste estudo, foram identificados nove casos das referidas anomalias dentárias, representando 3.75% da amostra estudada. Destes, seis casos eram de anomalias de forma e três casos eram de anomalia de número, 2.5% e 1.25% respectivamente. A análise radiográfica revelou que 75% dos casos com anomalias em dentes decíduos tinham correlação com anomalias na dentição permanente. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The deciduous teething begins its growth process between the 6th and the 8th weeks of intra-uterine life. Each tooth grows in different moments, however, the teeth formation process is almost the same. The alterations that happen on the teeth growth process are called dental anomalies. Among the alterations, can be identified the number alterations: hypodontia and hyperdontia, and the shape alterations: fusion and gemination. The lack of teeth from born or dental agenesia can be classified as hypodontia, oligodontia or anodontia. Anodontia is the complete lack of teeth; oligodontia is the lack of six or more teeth and hypodontia is used when there are less than six teeth but the third molar teeth. Hyperdontia is the growth of a higher number of teeth than normal. The teeth those exceed the normal number are called supernumerary. The fusion is characterized by the union of two single tooth buds that adhere to each other at the dentin and the gemination is an attempt of a single tooth bud to divide into two teeth. The objective of this work was to verify the prevalence of anomalies of dental development in deciduous dentition and your correlation with anomalies in permanent dentition. For this purpose, were examined 240 records on students preschool that were attended by the Escola do SESC Dourados/MS – Educação Infantil from 2005 to 2006. The children with diagnoses hiperdontia, hipodontia and double teeth had been submitted the radiograph and photographs surveys. In this study, were detected nine cases of dental anomalies, 3.75% of the studied sample. From these cases, six were of shape anomalies and three cases were of number anomalies, 2.5% and 1.25% respectively. The radiograph analysis revealed that 75% of the cases with deciduous teeth anomalies had correlation with anomalies in the permanent dentition.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2007.
Appears in Collections:FS - Mestrado em Ciências da Saúde (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/1395/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.