Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/13547
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_LauroCezarMontefalcodeLiraSantos.pdf10,24 MBAdobe PDFView/Open
Title: O paleoproterozoico (2.3 a 1.6 ga) do terreno Alto Moxotó, província Borborema : significado e implicações para o gondwana ocidental
Authors: Santos, Lauro Cézar Montefalco de Lira
Orientador(es):: Dantas, Elton Luiz
Assunto:: Geologia estrutural - Paraíba (PB)
Fraturas (Geologia)
Issue Date: 10-Jul-2013
Citation: SANTOS, Lauro Cézar Montefalco de Lira. O paleoproterozoico (2.3 a 1.6 ga) do terreno Alto Moxotó, província Borborema: significado e implicações para o gondwana ocidental. 2012. xii, 110 f., il. Dissertação (Mestrado em Geologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.
Abstract: O presente trabalho refere-se à evolução tectônica da região de Sucuru (estado da Paraíba) no âmbito Terreno Alto Moxotó (TAM), um domínio tipicamente Paleoproterozoico da Subprovíncia Transversal da Província Borborema. Este trabalho foi dividido em dois artigos científicos. O primeiro artigo tem seu foco na evolução estrutural da região de estudo, além de inferências sobre o metamorfismo associado. A área de estudo é dividida em dois compartimentos tectônicos, um metassedimentar (porção SSE) representado pelo Complexo Sertânia, e um metaplutônico, representado pelo Complexo Floresta (Ortognaisses graníticos a granodioriticos e extensa exposição de migmatitos) e as suítes intrusivas Malhada Vermelha (Rochas máficas-ultramáficas), Pedra D´água (Sheets de ortgnaisses graníticosgranodioríticos) e Serra da Barra (Sienogranítica), este conjunto é cortado ainda por zonas de cisalhamento tangenciais e transcorrentes. Foram reconhecidos três episódios deformacionais. O episódio Dn representa um evento contracional com transporte tectônico para NW-NNW, sendo importantes as zonas de cisalhamento de empurrão de Sucuru e do Carmo. O episódio Dn+1 é de natureza transcorrente e idade ediacarana, destacando-se as zonas de cisalhamento de Coxixola e do Congo, que representam estruturas de escala regional. O episódio final Dn+2, progressivo, transtracional tardi-ediacarano-cambriano, culminou com a formação do enxame de diques da Suíte Sucuru e dos granitos tipo-A de Prata e Serra da Engabelada. Evidências petrográficas demonstram que o episódio Dn atingiu um pico metamórfico de fácies granulito ou eclogito, cujas paragêneses foram posteriormente reequilibradas para o fácies anfibolito característico do evento Dn+1. O episódio Dn+1 desenvolveu corredores miloníticos no fácies anfibolito, com migmatização associada, enquanto o evento Dn+2, de fácies xisto verde, é restrito à área de influência das intrusivas tardi a pós-tectônicas. O segundo artigo refere-se com a evolução tectono-magmatica das rochas metaplutônicas pré-brasilianas com base em dados de litogeoquímica e geoquímica isotópica (U-Pb e Sm-Nd). Três grandes eventos tectono-magmáticos foram reconhecidos. O primeiro é Sideriano, sendo responsável pela formação dos ortognaisses do Complexo Floresta, cuja assinatura geoquímica indica tipicamente um ambiente de arco magmático. A idade de 2.32 Ga através de U-Pb associado a valores εNd(t) variando de positivos a negativos sugerem geração de crosta juvenil Paleoproterozoica associado à retrabalhamento crustal de crosta arqueana. No Riaciano ocorreu o alojamento dos magmas referentes às Suítes Malhada Vermelha (em torno de 2.008 Ga) e Pedra D´Água (2.057 Ga). A primeira suíte possui assinatura geoquímica de magmas toleíticos a cálcio-alcalinos de arcos de ilhas (claras anomalias de Nb e Ta) além de valores de εNd(t) entre discretamente positivos até negativos sugerindo um evento transicional entre oceânico e continental para este magmatismo. Já a Suíte Pedra D´água possui um caráter cálcio alcalino de alto potássio típicamente peraluminoso associado a valores negativos de εNd(t), sugerindo um evento de colisão continental. O terceiro evento magmático é o evento Serra da Barra, que culminou com o emplacement dos sienogranitos desta suíte. Este evento ocorreu no estateriano (Idade U-Pb de 1.6 Ga), e representa um evento de extensão crustal coincidente com um evento de quebramento global bem conhecido durante o final do Paleoproterozóico. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The present work concerns on the tectonic evolution of the Sucuru region (State of Paraíba), within the Alto Moxotó Terrane (AMT), a paleoproterozoic domain from the Transversal Subprovince of the Borborema Province. It was divided in two scientific papers. The first one focus on the structural evolution of the study área and inferences about the associated metamorphism. The Sucuru area can be divided in two tectonic compartments, the first one is metassedimentary (SSE portion), being represented by the Sertânia Complex. And the other is metaplutonic, represented by the Floresta Complex (granitic to granodioritic gneisses and wide migmatites), and the intrusive suítes: Malhada Vermelha (Mafic-Ultramafic rocks), Pedra d´Água (sheets of granitic-granodioritic orthogneisses) and Serra da Barra (Metasyenogranites). This whole set is affectd by thrust and strike-slip shear zones. Three deformational events were recognized. The Dn episode is a thrust event with tectonic transport to NW-NNW of the Sucuru and Carmo shear zones. The episóde Dn+1 is na ediacaran shearing, strongly affected by the Coxixola and Congo shear zones (regional scale structures) plus minor internal shear zones. The final Dn+2, progressive episode is transtensional tardiediacaran-cambrian. It results on the emplacement of the Sucuru Suite dyke swarm and the intrusion of the Serra da Engabelada and Prata granites. Petrographic evidences showed that the Dn event reached a metamorphic peak at the granulite or eclogite facies, with the original paragenesis were re-equilibrated to amphibolite conditions of the Dn+1 event. The Dn+2, present green-schist metamorphic facies, and is restrict to the influence area of the tardi to post-tectonic intrusive suites. The second papers referes to the tectono-magmatic evolution of the pre-brasiliano metaplutonic units based on whole rock geochemistry and isotopic geochemistry (U-Pb and Sm-Nd). Three magmatic events were recognized. The first on is Syderian, being responsible for the formation of the orthogneisses and migmatites from the Floresta Complex, with geochemical signature typical from arc magmatic setting. The U-Pb age of 2.37 Ga associated with slightly positive to negative εNd(t) values suggest generation of paleoproterozoic juvenile crust associated with reworking os archean crustal crust. On the Rhyacian period, the Malhada Vermelha suite magmatism and the Pedra d´Água suite magmatism took place (around 2.008 and 2.057 Ga respectively). The first one has geochemical signature varying from toleiitic to calc-alkaline from island arcs (expressive Nb and Ta negative anomalies), beyond εNd(t) positive to negative values, suggesting an oceanic to continental transitional setting for this magmatism. On the other hand, the Pedra D´água suíte have a high K calc-alkaline peraluminous magmatism, associated with negative de εNd(t) values, suggesting a crustal event, typically a continental collisional event. The third identified event is the Serra da Barra event, which formed the syenogranites from this suite. This is a Statherian event (U-Pb age ~1.6 Ga), and represent a within-plate crustal (geochemistry signature and negative εNd(t) values), which coincides with worldwide know extensional events during the final of the Paleoproterozoic.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, 2012.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:IG - Mestrado em Geologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/13547/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.