Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/13539
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_AnaliseEstrategiaGlobal.pdf617,07 kBAdobe PDFView/Open
Title: Análise da estratégia global para alimentação, atividade física e saúde, da Organização Mundial da Saúde
Other Titles: Analysis of the global strategy on diet, physical activity and health of the World Health Organization
Authors: Barreto, Sandhi Maria
Pinheiro, Anelise Rizzolo de Oliveira
Sichieri, Rosely
Monteiro, Carlos Augusto
Batista Filho, Malaquias
Schimidt, Maria Inês
Lotufo, Paulo Andrade
Assis, Ana Marlúcia Oliveira
Guimarães, Valéria
Recine, Elisabetta
Victora, César Gomes
Coitinho, Denise Costa
Passos, Valéria Maria de Azeredo
Assunto:: Alimentação saudável
Obesidade
Atividade física
Doenças crônicas
Issue Date: Jan-2005
Publisher: Coordenação-Geral de Desenvolvimento da Epidemiologia em Serviços da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde
Citation: BARRETO, Sandhi Maria et al. Análise da estratégia global para alimentação, atividade física e saúde, da Organização Mundial da Saúde. Epidemiologia e Serviços de Saúde. Brasília, DF, v. 14, n. 1, p. 41-68, jan./mar. 2005. Disponível em: <http://scielo.iec.pa.gov.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1679-49742005000100005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt>. Acesso em: 04 jul. 2013. DOI: http://dx.doi.org/10.5123/S1679-49742005000100005.
Abstract: O presente documento analisa a Estratégia Global para Alimentação, Atividade Física e Saúde da Organização Mundial da Saúde (EG/OMS), em resposta à demanda da Portaria no 596/GM, de 8 de abril de 2004, do Ministério da Saúde. A análise das evidências científicas que apóiam cada recomendação feita pela EG/OMS foi realizada tendo como referência os critérios definidos pelo Grupo de Peritos do Relatório 916 da OMS, o qual determina a classificação das evidências em convincente, provável, possível e insuficiente. Realizou-se reunião com os componentes do grupo responsável por este documento, para analisar as evidências científicas que apóiam a iniciativa da OMS e classificá-las por consenso, segundo os critérios utilizados na sua elaboração. Projeções para as próximas décadas indicam um crescimento epidêmico das doenças não transmissíveis - particularmente das doenças cardiovasculares, neoplasias e diabetes tipo 2 - na maioria dos países em desenvolvimento. A transição nutricional em curso nesses países, com o aumento expressivo da obesidade, é um dos fatores mais importantes para explicar essa tendência. As recomendações da EG/OMS baseiam-se em evidências científicas convincentes e criam oportunidades para promover a saúde e prevenir o crescimento da obesidade e das doenças não transmissíveis no país e no mundo. A EG/OMS é parte de um grande esforço em prol da alimentação, atividade física e Saúde Pública. __________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The current document analyzes the Global Strategy on Diet, Physical Activity and Health of the World Health Organization (GS/WHO), and is a response to the Brazilian Ministry of Health Directive nº 596/GM, of 8th April 2004. The criteria proposed by the WHO Report 916 were adopted to analyze the scientific evidence supporting each recommendation made by the GS/WHO, which are categorized based on a classification system of: convincing, probable, possible, and insufficient. The technical group analyzed the published evidence supporting GS/WHO recommendations and classified them by consensus, as proposed by WHO Report 916 criteria. Projections for the next decades point to an epidemic of non-transmissible diseases - particularly cardiovascular diseases, cancer and type 2 diabetes - in most developing countries. The dietary transition, due to the observed increases in obesity, is one of the most important reasons for this tendency. Recomendations by GS/WHO are based on convincing scientific evidence and create opportunities for health promotion, and for preventing of obesity and non-communicable diseases in the country and worldwilde. The GS/WHO is part of a greater effort to realize the benefits of diet, physical activity and public health.
Licença:: © Coordenação-Geral de Desenvolvimento da Epidemiologia em Serviços / Secretaria de Vigilância em Saúde / Ministério da Saúde. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial. Fonte: http://scielo.iec.pa.gov.br/revistas/ess/paboutj.htm. Acesso em: 4 jul. 2013.
DOI: http://dx.doi.org/10.5123/S1679-49742005000100005.
Appears in Collections:NUT - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/13539/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.