Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/12934
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_EffectAminoethoxyvinilglycinePreharvest.pdf234,19 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Effect of aminoethoxyvinilglycine (AVG) on preharvest fruit drop and maturity of apples
Outros títulos: Efeito do tratamento com aminoetoxivinilglicina (AVG) na queda pré-colheita e na maturação dos frutos em macieiras
Autor(es): Amarante, Cassandro Vidal Talamini do
Simioni, Anderson
Megguer, Clarice Aparecida
Blum, Luiz Eduardo Bassay
Assunto: Maçã
Pulverização
Fitorregulador
Data de publicação: Dez-2002
Editora: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Referência: AMARANTE, Cassandro Vidal Talamini do et al. Effect of aminoethoxyvinilglycine (AVG) on preharvest fruit drop and maturity of apples. Revista brasileira de fruticultura, Jaboticabal, v.24, n.3, p.661-664, dez. 2002. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rbf/v24n3/15106.pdf>. Acesso em: 26 abr. 2013.
Resumo: ABSTRACT
Apple trees cultivars Gala and Fuji were sprayed four weeks before commercial harvest with aminoethoxyvinilglycine (AVG), at doses of 0, 125, or 250 mg L-1, and assessed for preharvest fruit drop, fruit growth, and maturation on tree. In 'Gala', 64 days after AVG spraying, fruit drop for control treatment was 85%, and AVG (at 125 and 250 mg L-1) reduced it to 10%. In 'Fuji', 64 days after AVG spraying, fruit drop for control was 6%, while treatments with AVG (at 125 and 250 mg L-1) increased fruit drop to 10%. AVG was a powerful retardant of fruit maturation for 'Gala' but not for 'Fuji'. In 'Gala', the most affected attribute was the skin background color, followed, in decreasing order, by soluble solids content, the starch index, skin red color, the flesh firmness, and titratable acidity. In 'Gala', only flesh firmness retention was improved by increasing AVG dose from 125 mg L-1 to 250 mg L-1. The AVG at 250 mg L-1 inhibited "Gala" late fruit growth but not 'Fuji'. __________________________________________________________________________________ RESUMO
Macieiras, das cultivares Gala e Fuji, foram pulverizadas quatro semanas antes do início da colheita comercial dos frutos com aminoetoxivinilglicina (AVG), nas concentrações de 0; 125 ou 250 mg L-1, e avaliadas quanto à queda de frutos na pré-colheita, o crescimento e maturação dos frutos. Na cultivar Gala, 64 dias após a pulverização com AVG, a queda pré-colheita no tratamento-controle era de 85%, mas os tratamentos com AVG (125 e 250 mg L-1) reduziram esta queda para 10%. Na cultivar Fuji, 64 dias após a pulverização com AVG, a queda de frutos no tratamento-controle era de 6%, e os tratamentos com AVG (125 e 250 mg L-1) aumentaram esta queda para 10%. Tratamentos com AVG retardaram substancialmente a maturação dos frutos da cultivar Gala, mas não da 'Fuji'. Na cultivar Gala, o atributo mais afetado foi a cor de fundo da casca, seguido, em ordem decrescente, pelo conteúdo de sólidos solúveis totais, índice de iodo-amido, cor vermelha da casca, firmeza de polpa e acidez titulável. Na cultivar Gala, apenas a retenção de firmeza de polpa foi significativamente aumentada com o aumento na concentração de AVG de 125 mg L-1 para 250 mg L-1. A concentração de 250 mg L-1 inibiu o crescimento final de frutos na cultivar Gala, mas não na 'Fuji'.
Licença: A Revista Brasileira de Fruticultura onde licenciada sob uma Licença Creative Commons Uso Não Comercial (CC BY NC). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0100-2945. Acesso em: 26 abr. 2013.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-29452002000300022
Aparece nas coleções:FIT - Artigos publicados em periódicos



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.