Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/12676
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_AnaliseRedeAtencao.pdf533,82 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Análise da rede de atenção ao câncer de colo uterino a partir da trajetória de usuárias no Distrito Federal-BR
Outros títulos: Analysis of the attention network to the cervical cancer from the trajectory of users in the Federal District-BR
Análisis de la red de atención al cáncer de cuello uterino a partir de la trayectoria de usuarias en el Distrito Federal-BR
Autor(es): Göttems, Leila Bernarda Donato
Santos, Naianny Rosa Calaça dos
Souza, Sirléia Ferreira de Oliveira
Morais, Teresa Christine Pereira
Santana, Jeíza Andrade
Pires, Maria Raquel Gomes Maia
Assunto: Colo uterino - câncer
Neoplasias dos genitais femininos
Mulheres - saúde e higiene
Serviços de saúde
Data de publicação: 2012
Editora: Nucleo de Estudos em Educação, Promoção da Saúde e Projetos Inclusivos (NESPROM), do Centro de Estudos Avançados Multidiciplinares (CEAM), da Universidade de Brasília (UnB)
Referência: GÖTTEMS, Leila Bernarda Donato et al. Análise da rede de atenção ao câncer de colo uterino a partir da trajetória de usuárias no Distrito Federal-BR. Revista Eletrônica Gestão & Saúde, Brasília, v. 3, n. 2, p. 630-646, 2012. Disponível em: <http://gestaoesaude.unb.br/index.php/gestaoesaude/article/view/119>. Acesso em: 02 abr. 2013.
Resumo: Trata-se de estudo sobre a rede de atenção ao câncer de colo uterino (CCU) no Distrito Federal (DF) a partir da trajetória de usuárias desses serviços. Objetivos: delinear o percurso assistencial das mulheres desde o aparecimento dos sintomas até a realização do tratamento; identificar os potenciais e limites da rede de atenção ao CCU no DF. Metodologia: realizaram-se 10 estudos de casos quanti-qualitativos a partir de narrativas individuais. Dados coletados foi por meio de entrevistas e análise dos prontuários, no ano de 2010. Resultados: as mulheres tem facilidade de acesso à rede básica, para consulta e colpo citológico, mas convivem com a diversidade nas condutas clínicas, demora no resultado do exame, barreiras no acesso às consultas de especialidades e exames de apoio diagnóstico, levando-as a recorrer à rede privada. Conclusões: há desarticulação entre os pontos de atenção, prejudicando a qualidade e continuidade do cuidado às mulheres com CCU. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study deals with the attention network to the cervical cancer (CC) in the Federal District (DF) from the trajectory of users of these services. Objectives: to delineate the pathway of care for women from the onset of symptoms until the completion of treatment; identify the potential and limits of the attention network to the CC in the DF. Methodology: ten qualitative and quantitative case studies were held from individual narratives. Data was collected through interviews and analysis of medical records, in 2010. Results: women have easy access to the basic health network, for consultation and colpo-cytological, but they live with the diversity of medical conducts, delayed test results, barriers in the access to the specialty consultations and examinations that support a diagnosis, leading them to have recourse to the private network. Conclusions: there is disconnection between the attention points, jeopardizing the quality and continuity of care for women with CC. _______________________________________________________________________________________ RESUMEN
Se trata de estudio sobre la red de atención al cáncer de cuello uterino (CCU) en el Distrito Federal (DF) a partir de la trayectoria de usuarias de esos servicios. Objetivos: delinear el camino asistencial de las mujeres desde la aparición de los síntomas hasta la realización del tratamiento; identificar los potenciales y límites de la red de atención al CCU en el DF. Metodología: Se llevaron a cabo 10 estudios de casos cualitativos y cuantitativos a partir de narrativas individuales. Los datos fueron recogidos a través de entrevistas y análisis de los registros médicos, en el año de 2010. Resultados: las mujeres tienen facilidad de acceso a la red básica, para consulta y exámenes colpocitológicos, pero conviven con la diversidad en las conductas clínicas, retrasos en el resultado del examen, barreras en el acceso a la consultas de especialidades y exámenes de apoyo diagnóstico, llevándolas a recurrir a la red privada. Conclusiones: hay desarticulación entre los puntos de atención, perjudicando la calidad y continuidad de la atención a las mujeres con CCU.
Licença: Revista Gestão & Saúde - Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons (Attribution 3.0 Unported (CC BY 3.0)). Fonte: http://gestaoesaude.unb.br/index.php/gestaoesaude/article/view/119. Acesso em: 02 abr. 2013.
Aparece nas coleções:ENF - Artigos publicados em periódicos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.