Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/12267
Título: O Projeto Conservatório na Rua na perspectiva de alunos de 4º e 5º anos de uma escola pública de Montes Claros (MG)
Autor(es): Ribeiro, Maria Oslei
Orientador(es): Grossi, Cristina de Souza
Assunto: Música na escola
Música - crianças
Data de publicação: 28-Fev-2013
Data de defesa: 26-Set-2012
Citação: RIBEIRO, Maria Oslei. O Projeto Conservatório na Rua na perspectiva de alunos de 4º e 5º anos de uma escola pública de Montes Claros (MG). 2012. 121 f., il. Dissertação (Mestrado Música em Contexto)—Universidade de Brasília, Brasíliia, 2012.
Resumo: Este trabalho versa sobre o Projeto Conservatório na Rua (PCR) do Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernândez (CELF), da cidade de Montes Claros (MG). O PCR atende as escolas de educação básica da cidade há quase 22 anos. Nos anos de 2011 e 2012, atendeu em torno de 20 escolas públicas do 1º ao 5º anos, uma ONG e uma Fundação. A proposta do projeto é o trabalho com a música integrada ao teatro, bem como demais modalidades de arte e conteúdos como o de geografia. Nas aulas, são considerados aspectos, como ritmo, coordenação, socialização, respeito e autoestima das crianças. Este trabalho buscou conhecer esse projeto na perspectiva de crianças de 9 a 11 anos de idade de uma escola pública da cidade de Montes Claros, bem como, compreender como as crianças respondem às atividades musicais e quais as suas impressões sobre as vivências propiciadas no PCR. Há uma revisão de literatura sobre os Conservatórios mineiros (GONÇALVES, 1993), o Conservatório Estadual da cidade de Montes Claros, e sobre os Projetos de Integração (BORGES, 2008) ou de Extensão Comunitária de Minas Gerais; e mais amplamente sobre o PCR do referido Conservatório. A revisão de literatura enfoca a música, a aprendizagem de crianças e jovens na escola (JOLY, 2003; QUEIROZ, 2011), os significados (GREEN, 1997, 2006), as dimensões da experiência musical (GROSSI, 2000, 2007, 2010), e a música na escola (SOUZA et al., 2002). A Metodologia seguiu as orientações da pesquisa qualitativa (BRESLER, 2007; DENZIN; LINCOLN, 2006). Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com as crianças, com a coordenadora do PCR e com a professora de classe. Com as crianças, as entrevistas foram em grupos (CALEFFE; MOREIRA, 2006); a entrevista com a oordenadora do PCR foi realizada com o intuito de conhecer melhor o projeto; com a professora de classe, para entender sobre as experiências das crianças com a música na escola e no PCR. Os resultados apontam que as práticas propiciadas pelo PCR estão presentes nas experiências vividas pelos alunos, na escola, na família, na comunidade e em suas relações sociais. Os alunos indicam que querem ter mais aulas de música na escola e avançar no aprendizado, como por exemplo, aprender a tocar instrumento musical. O presente trabalho contribui com reflexões sobre a educação musical para crianças na escola; a necessidade de ouvir as crianças sobre as suas vivências com a música na escola e na aula. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This MA Dissertation deals with the Project named Conservatório na Rua (PCR) of the State Conservatory of Music Lorenzo Fernândez (CELF), at the city of Montes Claros (state of Minas Gerais - MG). The PCR attends the elementary public schools of the city for nearly 22 st thyears. In the years 2011 and 2012, it attended about 20 schools (from the 1 to the 5 year), an ONG and a Foundation. The proposed project works in an integrated way with others art forms types and geography. Teachers of the PCR work with rhythm, motor coordination, socialization, respect and self-esteem of children. This study aimed to know this project from the perspective of children from 9-11 years old in a public school in the city of Montes Claros, as well to understand how children respond to the music activities and what are their impressions on the musical experiences givem by the PCR. There is a literature review of the Conservatories in Minas gerais (GONÇALVES, 1993), the State Conservatory of Montes Claros, and on the Integration Projects (BORGES, 2008) or Community Extension of the Conservatories, specifically the PCR. Other literature review focuses music learning of children and youth at school (JOLY, 2003; QUEIROZ, 2011), the meanings (GREEN, 1997, 2006), the dimensions of musical experience (GROSSI, 2000, 2007, 2010), and the roll of music at the first years of school education (SOUZA et al., 2002). The methodology followed the guidelines of qualitative research (BRESLER, 2007; DENZIN; LINCOLN, 2006). Semi-structured interviews were conducted with the children, the coordinator of PCR ant with the class teacher of those pupils. The interviews with children were in groups of three (CALEFFE; MOREIRA, 2006). Interview with the PCR coordinator was conducted in order to better understand the project; the data collected with the school teacher aimed to better understand children's music experiences at school and in the PCR. The results show that the practices offered by PCR are present in the experiences of the students at school, in the family environment, in their community and social relationships. Pupils indicated that they want more music classes in school and advance in learning, such as learning to play a musical instrument. This research aims to contribute with reflections on music education for children in school, the need to hear kids’ needs regarding their experiences with music at school and in class.
Descrição: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Programa de Pós-Graduação Música em Contexto, 2012.
Aparece nas coleções:IdA - Mestrado em Música (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_MariaOsleiRibeiro.pdf1,14 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.