Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/11922
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_LucasEvangelistaGoncalves.pdf2,57 MBAdobe PDFView/Open
Title: Carbono orgânico do solo e dinâmica de crescimento de raízes finas em um cerrado sob manejo da gramínea invasora Melinis minutiflora P. Beauv.
Authors: Gonçalves, Lucas Evangelista
Orientador(es):: Bustamante, Mercedes Maria da Cunha
Assunto:: Gramínea
Biomassa
Raízes (Botânica)
Humo
Solos - carbono
Plantas invasoras
Issue Date: 21-Jan-2013
Citation: GONÇALVES, Lucas Evangelista. Carbono orgânico do solo e dinâmica de crescimento de raízes finas em um cerrado sob manejo da gramínea invasora Melinis minutiflora P. Beauv. 2012. x, 61 f., il. Dissertação (Mestrado em Ecologia)—Universidade de Brasíia, Brasília, 2012.
Abstract: Todas as invasões biológicas são um componente das mudanças ambientais globais. Elas são ameaças à biodiversidade nos ecossistemas que inva- dem. No Brasil, várias gramíneas africanas foram introduzidas acidentalmente ou para a formação de pastagens, tornando-se invasoras em ecossistemas naturais, visto que encontraram aqui condições ambientais muito próximas das encontradas nas savanas africanas. A gramínea africana Melinis minutiflora P. Beauv., popularmente conhecida como capim-gordura, é uma espécie com características que a permitem competir de maneira eficiente com as gramíneas nativas do cerrado. O presente trabalho tem como objetivo avaliar qual o efeito de diferentes manejos de uma área invadida com M. minutiflora no Parque Nacional de Brasília, na dinâmica de crescimento de raízes, no carbono orgânico do solo e suas frações particulada e associada aos minerais. A principal hipó- tese é que as parcelas controle e com manejo com fogo apresentariam maior crescimento de raízes finas e mais carbono orgânico particulado. Foram utiliza- das duas diferentes técnicas de manejo. A primeira feita exclusivamente com fogo (F), com queimada controlada no ano de 2003, e a segunda, além de uma queimada controlada no mesmo ano, fez uso de herbicida no ano de 2004 e também arranque anual de plântulas a partir de 2005 até a atualidade. Nas parcelas que passaram pela segunda intervenção, referida como manejo inte- grado (M), o M. minutiflora foi praticamente eliminado. As parcelas controle (C) e aquelas manejadas com fogo apresentaram biomassas aéreas muito pareci- das, poucos anos depois do manejo, sendo esses valores maiores que o das parcelas com manejo integrado. Não houve diferença significativa nos parâmetros analisados. Nesses aspectos, essa comunidade continua funcionando de maneira muito semelhante. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
All biological invasions are a component of global environmental change. They are threats to biodiversity in the ecosystem they invade. In Brazil, several African grasses were introduced or accidentally or for pasture establishment, becoming invasive in natural ecosystems since it founds here environmental conditions very close to those found in African savannas. The African grass Melinis minutiflora P. Beauv., known as molasses grass, is a species with char- acteristics that allow it to compete effectively with the native grasses of the cerrado. This study aims to evaluate what effect of different management of an area overrun with M. minutiflora in the Brazilian National Park, in the dynamic of root in soil organic carbon and their fractions particulate and associated with minerals. The main hypothesis is that the plots management with fire and control, have higher growth of fine roots and more particulate organic carbon. Two different management techniques were made. The first was made exclusively with fire (F), with controlled burning in 2003, and the second, besides a controlled burning in the same year, used herbicide in 2004 and also start annual seedlings from 2005 until today. In areas that passed the second intervention, known as integrated management, the M. minutiflora, was eliminated. The control (C) and fire plots, showed very similar aboveground biomass few years after managements, these values being higher than the plots with integrated management. There was no significant differences in the parameters analyzed. In these aspects, this community continues to function very similarly.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Ecologia, Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2012.
Appears in Collections:ECL - Mestrado em Ecologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/11922/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.