Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/11862
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_IncidenciaDisturbiosSono.pdf152,7 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Incidência de distúrbios do sono em pacientes com doença de Alzheimer
Outros títulos: Incidence of sleep disorders in patients with Alzheimer disease
Autor(es): Camargos, Einstein Francisco de
Pandolf, Marcela Basso
Freitas, Marco Polo Dias
Quinta, Juliana Lima
Guimarães, Renato Maia
Nóbrega, Otávio de Tolêdo
Assunto: Distúrbios do sono
Insônia
Idosos
Alzheimer, Doença de
Data de publicação: 2011
Editora: Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein
Referência: CAMARGOS, Einstein Francisco et al. Incidência de distúrbios do sono em pacientes com doença de Alzheimer. Einstein, v. 9, n. 4, part 1, p: 461-465, 2011. Disponível em: <http://apps.einstein.br/revista/resumo.asp?SPREEdic=32&SPREArtg=2145>. Acesso em: 7 jan. 2012.
Resumo: Objetivo: Determinar a incidência de distúrbios do sono em seguimento de 1 a 4 anos em pacientes com demência diagnosticada na primeira consulta, além de analisar características demográfcas e comorbidades associadas. Métodos: Cento e vinte e dois idosos com 60 anos ou mais e com o diagnóstico de demência (Alzheimer e outras) foram seguidos em um centro de referência geriátrico para demência. O protocolo clínico incluiu entrevista com o paciente e o cuidador, exame físico, laboratorial e de imagem. Os critérios para diagnóstico dos distúrbios do sono incluíram queixa de insônia pelo paciente ou cuidador utilizando o item sobre comportamentos noturnos do Inventário Neuropsiquiátrico. Resultados: A densidade de incidência de distúrbios do sono foi de 18,7/100 pessoas/ano. O risco de desenvolver distúrbios do sono no primeiro e quarto anos de seguimento foi de 9,8% e 50,9%, respectivamente. Análise multivariada de Cox revelou que o nível educacional menor que 8 anos e a presença de agressividade na primeira consulta foram fatores preditores independentes para desenvolver distúrbios do sono no seguimento, aumentando o risco em 3,1 (IC95%: 1,30-9,22) e 2,1 (IC95%: 1,16-4,17) vezes, respectivamente. Conclusão: A incidência de distúrbios do sono em pacientes dementes foi elevada e, neste estudo, particularmente associada ao baixo nível educacional e à agressividade na admissão. ____________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Objective: To determine the incidence of sleep disorder at a follow-up examination from 1 to 4 years, in demented patients diagnosed at frst visit, besides analyzing associated demographic and comorbidities characteristics. Methods: A total of 122 elderly patients aged 60 years or older and diagnosed with dementia (Alzheimer and other) were followed in a reference geriatric center for dementia. The clinical protocols included interviews with patient and caregiver, complete physical examination, laboratory and imaging tests. Criteria for the diagnosis of sleep disorder included complain of insomnia from the patient or caregiver using the Neuropsychiatric Inventory nighttime. Results: The incidence density of sleep disorder among dements was 18.7/100 person/years. The risk of developing sleep disorder within the frst and fourth years of follow-up was 9.8% and 50.9%, respectively. Multivariate Cox regression analysis revealed that educational level less than 8 years and report of aggressiveness at baseline were an independent predictor of sleep disorder, increased risk in 3.1 (95%CI: 1.30-9.22) and 2.1 times (95%CI: 1.16-4.17), respectively. Conclusion: The incidence of sleep disorder in demented patients was elevated, and was particularly associated to low educational level and aggressiveness at admission.
Licença: Einstein - Disponível sob Licença Creative Commons 3.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece nas coleções:FCE-SC - Artigos publicados em periódicos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons