Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/11672
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_CorrelacaoEntreSinais.PDF138,96 kBAdobe PDFView/Open
Title: Correlação entre sinais e sintomas de incontinência urinária e auto estima em idosas
Other Titles: Correlation between signs and symptoms of urinary incontinence and self-esteem in elderly women
Authors: Melo, Bruna Evellyn Souza
Freitas, Bruna Carneiro Rodrigues
Oliveira, Valéria Rodrigues Costa de
Menezes, Ruth Losada de
Assunto:: Idosos - saúde
Saúde mental
Motivação (Psicologia)
Urina - incontinência
Issue Date: 2012
Publisher: Universidade do Estado do Rio Janeiro
Citation: MELO, Bruna Evellyn Souza et al. Correlação entre sinais e sintomas de incontinência urinária e autoestima em idosas. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, Rio de Janeiro, v. 15, n. 1, 2012. Disponível em:<http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-98232012000100005&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 05 nov. 2012. http://dx.doi.org/10.1590/S1809-98232012000100005.
Abstract: OBJETIVO: Identificar a prevalência de sinais e sintomas de incontinência urinária e sua relação com a autoestima de idosas. MÉTODO: A amostra foi constituída por 27 idosas, com média de idade de 67,59 (± 5,16), participantes do Curso Universidade Aberta à Terceira Idade (UNATI) do Programa Gerontologia Social da Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Foram utilizados três instrumentos para avaliação, sendo eles o Miniexame do estado mental, um instrumento específico elaborado para este estudo e o questionário de autoestima desenvolvido por Steglich. O tratamento estatístico foi descritivo e com testes não-paramétricos, com nível de significância de p<0,05. RESULTADOS: Foi observado que 44,4% das idosas apresentam perda de urina, destas, 58,33% perdem uma vez por semana, todas relatam perder pouca quantidade de urina e 66,7% apresentam perda há mais de um ano. A autoestima foi considerada baixa em 77,8% das idosas, mas não houve correlação entre a mesma e os sintomas de IU. CONCLUSÃO: A autoestima diminuída é uma condição frequente na população idosa e vários fatores podem contribuir para isso, porém na amostra estudada não foi possível identificar a contribuição da IU.
Abstract: OBJECTIVE: Identify the prevalence of signs and symptoms of urinary incontinence and their relationship with the self-esteem of elderly. METHODS: The sample was constitute by 27 elderly, mean age 67.59 (± 5.16), participants of Open University for the Elderly (UNATI) of the Social Gerontology Program of Pontifical Catholic University of Goiás. Three instruments were used for: the Mini mental state examination, a specific instrument prepared for this study and a self-esteem and self-image questionnaire developed by Steglich. The statistical treatment was descriptive and non-parametrical test, with significance level of p<0.05. RESULTS: It was observed that 44.4% of the elderly have urine loss, 58.33% lose once a week, all reported losing a little amount of urine and 66.7% have urine loss for over a year. The self-esteem was considered low in 77.8% of elderly, but no correlation between self-esteem and symptoms of UI was found. CONCLUSION: The decreased self-esteem is a frequent condition in the elderly people and several factors can contribute for this, but this sample did not allow to identify the contribution of the UI.
Licença:: Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia - Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons (Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0)). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-98232012000100005&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 23 nov. 2012.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1809-98232012000100005
Appears in Collections:FCE-FIS - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/11672/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.