Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/11583
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_MarcosDalseccoBragaArcuri.pdf1,05 MBAdobe PDFView/Open
Title: A produção do conhecimento científico e tecnológico no âmbito dos fundos setoriais : o caso do Fundo Verde Amarelo
Authors: Arcuri, Marcos Dalsecco Braga
Orientador(es):: Sobral, Fernanda Antônia da Fonseca
Assunto:: Ciência - aspectos sociais
Ciência e tecnologia
Inovações tecnológicas - aspectos sociais
Issue Date: 7-Nov-2012
Citation: ARCURI, Marcos Dalsecco Braga. A produção do conhecimento científico e tecnológico no âmbito dos fundos setoriais: o caso do Fundo Verde Amarelo. 2012. vii, 118 f., il. Dissertação (Mestrado em Sociologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.
Abstract: Esta pesquisa trata do tema da produção do conhecimento científico e tecnológico no âmbito dos Fundos Setoriais de Ciência e Tecnologia (FS), política de financiamento a projetos de C&T em áreas estratégicas para o desenvolvimento sócio- econômico do país. Especificamente foi realizada uma investigação sobre as formas de produção do conhecimento levadas a cabo nos projetos de um desses fundos, o Fundo Verde Amarelo (FVA), que tem como objetivo central promover a relação entre universidade e empresa para a produção de inovação. Para definir conceitualmente as formas de produção do conhecimento foram tomadas como referências as obras de autores centrais dos campos da sociologia da ciência e dos estudos sociais de ciência e tecnologia. De acordo com essas referências, observam-se mudanças nas formas de produção de ciência e tecnologia desde meados do século passado até os dias de hoje. Essas mudanças ocorrem mais claramente na participação de novos atores nesse processo e na aparição de novos lócus dessa produção. A pesquisa sobre as formas de produção do conhecimento no FVA consistiu na análise de dados sobre os FS disponibilizados pelo MCTI e IPEA, na análise de questionários aplicados aos coordenadores de projetos do FVA, na análise de entrevistas realizadas com ex-membros do Comitê Gestor desse fundo e na análise das atas de reuniões desse comitê. A partir das informações coletadas foi buscada a presença de características das novas formas de produção do conhecimento nos documentos oficiais que definem os objetivos e diretrizes do FVA, nas opiniões e posicionamentos dos membros do Comitê Gestor do fundo, nas informações sobre a elaboração e execução dos projetos do fundo cedidas pelos coordenadores e nos dados disponibilizados pelo MCTI e IPEA. Ao final das análises observa-se que o governo brasileiro, na formulação dos FS, tomou como referência os modelos de produção de ciência, tecnologia e inovação predominantes nos países centrais do capitalismo, expoentes das novas formas de produção do conhecimento. Quanto aos projetos do FVA, concluiu-se que apesar de ter sido verificada a existência de algumas características das novas formas do conhecimento, não há uma prática consolidada das mesmas. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
his research’s theme is the production of scientific and technological knowledge in the scope of the Fundos Setoriais de Ciência e Tecnologia (FS), financing policy for S&T projects in strategic areas for the social-economical development of Brazil. Specifically, an investigation was made about the forms of knowledge production that took place in one of de “fundos”, the Fundo Verde Amarelo (FVA), which has as central objective to promote the relation between universities and companies for the production of innovation. To conceptually define the forms of knowledge production were taken as references the works of central authors in the fields of sociology of science and the social studies of science and technology. According to these references, some changes can be observed in the scientific a technological knowledge production forms since the last half of the past century till today. These changes occur more clearly in the participation of new actors in this process and in the appearance of new locus of this production. The research about the forms of knowledge production in the FVA consisted in the analysis of data about the FS made available by the MCTI and IPEA, in the analysis of the questionnaires applied to the coordinators of projects of the FVA, in the analysis of interviews made with ex-members of the Managing Committee of the FVA and in the analysis of the meeting minutes of this committee. From the information collected the presence of characteristics of the new forms of knowledge production were searched in the official documents that defined the objectives and guidelines of the FVA, in the opinions and positioning of the members of the Managing Committee, in the information about the elaboration an execution of the projects of FVA given by the coordinators and in the data made available by MCTI and IPEA. At the end of the analysis is observed that the Brazilian government, in the formulation of the FS, took as reference the models of science, technology and innovation production predominant in the central countries of capitalism, exponents of the new forms of knowledge production. Regarding the FVA projects, it can be concluded that despise there has been verified the existence of some of the characteristics of the new forms of knowledge production, there isn’t a consolidated practice of those.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brssília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, 2012.
Appears in Collections:SOL - Mestrado em Sociologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/11583/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.