Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1151
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_2007_CandiceAparecidaAssuncao.pdf992,78 kBAdobe PDFView/Open
Title: A ideologia na legislação da educação inclusiva
Authors: Assunção, Candice Aparecida Rodrigues
Orientador(es):: Vieira, Josênia Antunes
Assunto:: Ideologia
Discurso
Educação inclusiva
Issue Date: 4-Feb-2009
Citation: ASSUNÇÃO, Candice Aparecida Rodrigues. A ideologia na legislação da educação inclusiva. 2007. 212 f. Dissertação (Mestrado em Lingüística)—Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Abstract: Este trabalho analisa a ideologia presente em alguns marcos legais da Educação Inclusiva e no discurso de alguns professores acerca dessa proposta de Ensino. Partimos de dados históricos da Educação Inclusiva, a fim de verificar a ordem discursiva pré-existente e a nova ordem implantada e, conseqüentemente, entender a mudança discursiva que é construída e, ao mesmo tempo, constrói uma transformação social. Esta pesquisa se apóia na metodologia qualitativa, utilizando-se das teorias e dos métodos de Análise de Discurso Crítica de Fairclough (2001 e 2003), bem como da teoria sobre ideologia de Thompson (1995). Essas abordagens se entrelaçam e servem aqui como ponto de apoio para entender a elaboração e a interpretação do texto legal que fundamenta a Educação Inclusiva. Este trabalho busca, principalmente, entender as razões da resistência à execução da perspectiva inclusiva. Assim sendo, ao analisar a ideologia presente nesses textos legais e no discurso de professores sobre a Educação Inclusiva, pretende-se aqui provocar uma reflexão sobre as dificuldades da implantação dessa proposta. As nossas conclusões mostram que, na construção discursiva dos textos legais e das entrevistas, o discurso assumido é o elemento constitutivo das práticas sociais, atuando como um veículo da ideologia contrária à Educação Inclusiva. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
In this work, we analyze the Ideology present in some legal landmarks of the Inclusive Education and the discourse of some teachers about this perspective in Education. We will start from historical data of the Inclusive Education, in order to compare the preexisting and the new implanted discoursive order, and consequently to understand the discourse that is constructed and at the same time constructs a social transformation. This research is based on the qualitative methods and use the theories and the methods of analysis of the speech of Fairclough (2001 and 2003), as well as the theories on Ideology of Thompson (1995). These approaches interact and serve here as a support to understand the elaboration and the interpretation of the legal text that provides the foundations of the Inclusive Education. This work tries to understand the reasons of the resistance in the execution of the inclusive perspective. Thus being, when analyzing the present ideology in these legal texts is intended here to promote a reflection on the difficulties of the implantation of this proposal. The conclusions show that, in the discursive construction of the legal texts and the interviews of teachers, the language is assumed as an element in the social practice which is a vehicle of the Ideology against the Inclusive Education.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Classicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2007.
Appears in Collections:LIP - Mestrado em Linguística (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/1151/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.