Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/11122
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_AnaCatarinadeAlmeidaMoura.pdf3,07 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Falhas sismogênicas no Granito Meruoca, Sobral, Ceará
Autor(es): Moura, Ana Catarina de Almeida
Orientador(es): Fuck, Reinhardt Adolfo
Bezerra, Francisco Hilário Rego
Assunto: Pesquisa sismológica - Ceará
Sismologia
Data de publicação: 10-Set-2012
Referência: MOURA, Ana Catarina de Almeida. Falhas sismogênicas no Granito Meruoca, Sobral, Ceará. 2012. xi, 61 f., il. Dissertação (Mestrado em Geologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.
Resumo: Esta dissertação apresenta dados de mapeamento estrutural no Granito Meruoca, região de Sobral, Ceará. A integração de dados sismológicos, geofísicos e geoquímicos com o mapeamento estrutural traz maior confiabilidade complementando os dados simológicos registrados na região de estudo entre os anos de 2008 e 2010. A região nordeste do Brasil, apesar de se encontrar na porção estável da plataforma Sul-Americana, registra importantes eventos sísmicos com relevante frequência, se tornando a porção mais sismicamente ativa do Brasil. Dentro deste contexto, houve um aumento de estudos nas áreas de ocorrência de sismos, integrando principalmente dados sismológicos e estruturais afim de produzir maior quantidade de dados aprofundando os conhecimentos sobre os mecanismos focais existentes e a respeito dos modelos de sismicidade conhecidos. Este trabalho traz dados sismológicos de hipocentros e mecanismos focais para os sismos registrados no período de monitoramento, correlacionando-os com dados de campo. Os resultados mostram que a falha sismogênica responsável pelos sismos ocorridos recentemente é a Falha Riacho Fundo, de direção E-W que corta o Granito Meruoca. Ao contrário do esperado, considerando a bibliografia internacional, a grande estrutura regional de orientação NE, Lineamento Transbrasiliano, não tem história de reativação recente e não tem relação direta com os sismos registrados. O trabalho encaixa o caso estudado à classificação de falhas ativas no nordeste do Brasil, realizado por Bezerra et al., (2011). Diferindo do caso do Lineamento Pernambuco, onde a grande estrutura é reativada e se comporta como uma grande zona de fraqueza, e do caso de Augusto Severo e Palhano, onde a falha sismogênica não coincide com estruturas preexistentes, a Falha Riacho Fundo no Granito Meruoca se assemelha ao caso da falha de Samambaia, na Bacia Potiguar, onde estruturas frágeis possuem mesma orientação das falhas sismogênicas. Estudos de neotectônica são de extrema importância para monitorar os casos já estudados e completar lacunas necessárias para o entendimento de falhas ativas na região nordeste como um todo. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This thesis presents a structural mapping in Meruoca Granite, Sobral, Ceará. Joining seismological, geophysical and geochemical data, the structural mapping provides greater reliability complementing seismological data recorded in the study area between 2008 and 2010. The northeastern of Brazil, despite being in a stable portion of the South American platform, records significant seismic events in a significant frequency, becoming the most seismically active portion of Brazil. Because of this, increased the number of studied in seismic areas, expecially integrating structural and seismological data in order to increase the data to get to know better about seismicity models. This work brings seismological data of hipocenters and focal mechanisms of the earthquakes recorded in the monitoring period and associate them with field and geophysical data. Build in an article model for periodics, the results shows that the seismogenic fault that has been causing earthquakes is the E-W trending Riacho Fundo fault that cuts the Meruoca Granite. Contrary to expectations, the main shear zone NE trending called Transbrasiliano lineament has no recent reactivation record, so it does not have a link with recent earthquakes. This work put the case studies in the classification context of active faults in northeastern Brasil (Bezerra et al., 2011). Unlike the Pernambuco lineament case where the main regional structure is active and correspond to the local weak zone, and Augusto Severo and Palhano cases where the seismogenic fault does not coincide with pre-existing strucures, the Riacho Fundo seismogenic fault in the Meruoca granite is similar to the Samambaia fault case, in Potiguar Basin, where local brittle structures has the same trend of the seismogenic fault. Neotectonic studies are extremely important to study the seismic zones and answer the questions about the understanding of active faults in the northeast region of Brazil.
Informações adicionais: Dissertação(mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, 2012.
Aparece nas coleções:IG - Mestrado em Geologia (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.