Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/11029
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_EduardoXavierSeimetz.pdf10,64 MBAdobe PDFView/Open
Title: Estudos geofísicos ao longo do futuro trecho norte do metrô de Brasília
Other Titles: Geophysical studies along the northern section of the future metro of Brasília
Authors: Seimetz, Eduardo Xavier
Orientador(es):: Rocha, Marcelo Peres
Borges, Welitom Rodrigues
Assunto:: Metrô - Distrito Federal (Brasil)
Geofísica
Issue Date: 30-Jul-2012
Citation: SEIMETZ, Eduardo Xavier. Estudos geofísicos ao longo do futuro trecho norte do metrô de Brasília. 2012. xix, 97 f., il. Dissertação (Mestrado em Geociências Aplicadas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.
Abstract: Os métodos geofísicos de eletrorresistividade e sísmica de refração rasa foram utilizados para elaborar um perfil geológico ao longo de toda a Asa Norte do Plano Piloto de Brasília, local do futuro trecho norte do metrô da Capital Nacional, entre o Eixo Rodoviário (DF-002) e o Eixo Rodoviário W. Foram realizados testes para definir os parâmetros de aquisição para ambos os métodos, buscando aqueles mais adequados para as condições da área de estudo. Para o método de eletrorresistividade, o arranjo dipolo dipolo, com espaçamento entre os eletrodos de 10 metros, mostrou-se mais adequado, permitindo obter melhor resolução lateral e contraste de resistividade elétrica. Para a sísmica de refração o espaçamento entre os geofones foi de 2 metros com três pontos de tiros para cada trecho adquirido, utilizando-se 48 canais. Devido ao alto nível de ruído, somente a onda direta e a primeira refração foram observadas nos sismogramas. Nos resultados, observaram-se três camadas geofísicas distintas: 1) Camada superficial com baixa resistividade elétrica (variando de 100 a 816 Ω.m) e baixa velocidade da onda P (média de 430 m/s), interpretada como o pacote de solo/aterro; 2) Camada intermediária com alta resistividade elétrica (acima de 2000 Ω.m) e alta velocidade sísmica (média de 1440m/s), interpretada como um pacote saprolitizado de metassiltitos argilosos e quartzitos da Unidade S do Grupo Paranoá; 3) Camada mais profunda, com resistividade elétrica média de 300 Ω.m, interpretada como os metassiltitos argilosos menos alterados da Unidade S do Grupo Paranoá. Houve uma boa correlação entre as profundidades da primeira interface obtidas com os métodos de sísmica e eletrorresistividade. Nos resultados de eletrorresistividade foram observadas anomalias condutivas verticalizadas, com posições coincidentes com todos os postos de abastecimento de combustíveis localizados ao longo da área de estudo. Estas anomalias devem estar relacionadas como zonas de percolação de água superficial proveniente do processo de lavagem de veículos, realizado em todos os postos. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The geophysical methods of resistivity and shallow seismic refraction were used to elaborate a geophysical profile of a site at the Asa Norte of the Plano Piloto of Brasília, which is located on the future northern section of the Metro of the Brazilian Capital, between the DF-002 Highway and the W Road. Array tests were conducted to define the acquisition parameters for both methods, in order to get those most suitable for the study area. For the resistivity method, the dipole dipole array with electrode spacing of 10 meters, showed been more appropriate, allowing obtaining better lateral resolution and resistivity contrast. For the seismic refraction, the geophone spacing was 2 meters with three shoot points for each acquired line, using 48 channels. Due to the high noise level, only the direct wave and the first refraction were observed in the seismograms. In the results, it is possible to observe three different geophysical layers: 1) The surface layer, with low resistivity (ranging from 100 to 816 Ω.m) and low P-wave velocity (average of 430 m/s), interpreted as the package of soil and embankment; 2) The middle layer, with high resistivity (above 2000 Ω.m) and high seismic velocity (average of 1440 m/s), interpreted as a package of saprolite of argillaceous metasiltite and quartzite of the S Unit of the Paranoá Group; 3) The deeper layer, with an average resistivity of 300 Ω.m, was interpreted as the less altered argillaceous metasiltite of the S Unit of the Paranoá Group. A good correlation between the depths of the first interface obtained from the seismic and resistivity methods was observed. In the resistivity results, were observed vertical conductive anomalies with coincident positions with all gas stations located along the study area. These anomalies should be related to percolation zones of surface water from the car wash activities carried in all gas stations.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, 2012.
Appears in Collections:IG - Mestrado em Geociências Aplicadas (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/11029/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.