Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1038
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_AlessandraKemper.pdf10,34 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: A evolução biológica e as revistas de divulgação científica : potencialidades e limitações para o uso em sala de aula
Autor(es): Kemper, Alessandra
Orientador(es): Zimmermann, Erika
Assunto: Divulgação científica
Popularização da ciência
Data de publicação: 17-Nov-2008
Referência: KEMPER, Alessandra. A evolução biológica e as revistas de divulgação científica: potencialidades e limitações para o uso em sala de aula. 2008. 184 f. Dissertação (Mestrado em Educação)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Resumo: Considerando a importância dos conceitos de Evolução para a Biologia e para o ensino dessa disciplina, o presente trabalho tem por objetivo fazer uma análise acerca da Evolução apresentada em duas revistas de Divulgação Científica brasileiras – a Galileu e a Superinteressante –, enfatizando as potencialidades e limitações para o uso desse material em sala de aula. A revisão da literatura foi feita de forma a traçar um panorama básico sobre os conceitos abordados neste trabalho. Assim, o quadro teórico inclui uma discussão sobre a Divulgação Científica, trazendo sua definição, seus aspectos históricos e suas principais características, bem como sua relação com a educação formal. Ainda no quadro teórico, falamos um pouco de Evolução e do ensino deste tema. A metodologia escolhida para a exploração dos dados foi a análise de conteúdo, privilegiando a análise documental. Com isso, buscamos evidenciar os aspectos levantados nas questões de pesquisa. O corpus do trabalho foi constituído pelos artigos das revistas SuperInteressante e Galileu, publicados entre janeiro e dezembro de 2006, e que de alguma forma mencionassem a Evolução. Durante a análise, enfatizamos os aspectos que respondiam às questões de pesquisa. Feita a análise, agrupamos os dados de forma a melhor compreendê-los. Nas categorias relativas à ciência como um todo, procuramos verificar a presença de procedimentos internos e seu funcionamento institucional. Em relação à linguagem, os aspectos destacados foram o uso de metáforas, analogias e terminologia científica. Já no domínio da Evolução, buscamos evidenciar a menção a mecanismos evolutivos, conceitos de instrucionismo, teleologia e tendência ao progresso, e o contexto no qual a Evolução se insere no artigo. Por fim, destacamos as principais possibilidades para o uso em sala de aula, bem como cuidados e limitações a serem tomados ao usar esse material no meio escolar. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Considering the relevance of concepts of Evolution to Biology and its teaching,this work has as an objective to perform an analysis on how Evolution is presented in two Brazilian Science Popularization magazines – Galileu and SuperInteressante –, emphasizing the possibilities and limitations for using this material in class. Theory review was written in order to establish a basic panorama about the concepts used in this work. Thus, it includes a discussion on Scientific Popularization, bringing its definition, its historical background and its main characteristics, as well as its relation to formal education. Still on theory review, we discussed a little about Evolution and its teaching. Methodology chosen for data exploration was content analysis, focusing on documental analysis. With that, our goal was to bring to light aspects raised by research questions. Our corpus was made of articles of SuperInteressante and Galileu magazines, published between January and December 2006, that mentioned Evolution in any way. During analysis, we emphasized aspects that answered our research questions. Done with the analysis, we grouped data in order to best understand them. In science as a whole related categories, we sought verification for the presence of internal procedures as well as science institutional functioning. Concerning language, aspects stressed were using of metaphors, analogies and scientific terminology. When it came to Evolution, we searched evidence for mentioning evolutionary mechanisms, concepts of instructionism, teleology and tendency to progress, and the context on which Evolution is inside the article. And last, we showed main possibilities for using this material in class, as well as limitations and precautions that should be taking when bringing this material to formal education.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2008.
Aparece nas coleções:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.