Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/10370
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_FitossociologiaMataMorro.PDF1,37 MBAdobe PDFView/Open
Title: Fitossociologia da mata do Morro da Quixaba no território de Fernando de Noronha
Authors: Silva Júnior, Manoel Cláudio da
Felfili, Jeanine Maria
Proença, Carolyn Elinore Barnes
Brasileiro, Ana Cristina Miranda
Melo Filho, Benício de
Silva, Paulo Ernane Nogueira da
Costa, Kátia Lemos
Assunto:: Comunidades vegetais
Fitogeografia
Fernando de Noronha, Arquipélago (PE)
Issue Date: Dec-1987
Publisher: Sociedade Botânica do Brasil
Citation: SILVA JÚNIOR, Manoel Cláudio da et al. Fitossociologia da mata do Morro da Quixaba no território de Fernando de Noronha. Acta Botanica Brasilica, Feira de Santana, v. 1, n. 2, supl. 1, p. 257-262, dez. 1987. Disponível em:<http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061987000300024&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 30 abr. 2012.
Abstract: O território de Fernando de Noronha localiza-se a 32º 25'30" W de longitude e 3º 50' 10" S de latitude e é composto por 21 ilhas. Este trabalho foi realizado na ilha principal na região do Morro da Quixaba até a Ponta da Sapata, onde a vegetação foi menos perturbada nas últimas décadas. Utilizou-se o método de quadrantes para a amostragem de indivíduos com diâmetro mínimo de 5 cm a 30 cm do solo. A distância entre os pontos foi estabelecida em 10 m. No total foram aplicados 100 pontos de amostragem, em diversas picadas alocadas na área de estudo. Foram encontradas 13 famílias sendo dominantes, Nyctaginaceae, Bignoniaceae, Anacardiaceae, Rubiaceae e Euphorbiaceae. Dentre as 16 espécies encontradas, Guapira sp. ocupou a primeira posição em importância com IVI de 100,67%, seguida de Tabebuia roseoalba (55,14%), Spondias mombin (52,17%), Guettarda sp. (21,72%) Allophylus sp. (17,27%). ____________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Fernando de Noronha territory is located at 32º 25'30" W and 3º 50'10" S and it is composed of 21 islands. We studied the Quixaba Hill winch extends until to Sapata Point, where the vegetation has been relatively undisturbed on the last decades. The method used the point-centered-quarter. Only individuals with, at least, 5 cm diameter above the ground level was sampled. The distance between points was 10 m with points on peackies in the studied area. We obtained 16 species distributed in 13 families with the dominance of Nyctaginaceae, standing out Bignoniaceae, Anacardiaceae, Rubiaceae and Euphorbiaceae. Guapira sp. reached the best IVI (100,67), followed by Tabebuia roseo-alba (55,14), Spondias mombin (52,17), Guettarda sp. (21,72) e Allophylus sp. (17,27).
Licença:: Acta Botanica Brasilica - Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons.(Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0)). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0102-3306&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 26 abr. 2012.
Appears in Collections:EFL - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/10370/statistics">



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons