Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/10363
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_ComposicaoFloristicaFitossociologia.PDF140,99 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Composição florística e fitossociologia do cerrado sentido restrito no Município de Água Boa – MT
Autor(es): Felfili, Jeanine Maria
Silva, Paulo Ernane Nogueira da
Silva Júnior, Manoel Cláudio da
Marimon, Beatriz Schwantes
Delitti, Welington Braz Carvalho
Assunto: Diversidade biológica
Amazônia
Data de publicação: Jan-2002
Editora: Sociedade Botânica do Brasil
Referência: FELFILI, Jeanine Maria et al. Composição florística e fitossociologia do cerrado sentido restrito no Município de Água Boa – MT. Acta Botanica Brasilica, São Paulo, v. 16, n. 1, p. 103-112, jan. 2002. Disponível em:<http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062002000100012&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 23 abr. 2012.
Resumo: 3/4(Composição florística e fitossociologia do cerrado sentido restrito no município de Água Boa 3/4 MT). O estudo foi conduzido no município de Água Boa, no Vale do Araguaia, área de ecótono entre o Cerrado e Amazônia, que apresenta um complexo vegetacional com o predomínio do cerrado. O objetivo deste trabalho foi estudar a composição florística e a fitossociologia do cerrado sentido restrito na região. Foram alocadas dez parcelas de 20x50m (1000m²). Entraram na amostragem todos os indivíduos lenhosos com diâmetro no nível do solo igual ou superior a 5cm. Além da amostragem com identificação in loco das espécies, foram efetuadas incursões de coleta em áreas próximas, para ampliar o levantamento da composição florística. Foram encontradas 34 famílias botânicas, contendo 60 gêneros e 80 espécies. A família Leguminosae apresentou o maior número de espécies (10), seguida por Myrtaceae (7), Vochysiaceae (6) e Malpighiaceae (5). Outras 19 famílias foram representadas por uma única espécie. As espécies com maior Índice de Valor de Importância foram Curatella americana L., Qualea parviflora Mart., Callisthene fasciculata Mart., Mezilaurus crassiramea (Meiss) Taub. e Byrsonima crassa Nied. Treze espécies estiveram representadas por um único indivíduo. A densidade foi de 995 indivíduos/ha e a área basal de 7,5 m2 /ha. O índice de Shannon encontrado (H') foi de 3,69, evidenciando a alta diversidade da área.
Abstract: 3/4 (Floristic composition and phytosociology of a cerrado sensu stricto in Água Boa 3/4 MT). The study was carried out in Água Boa municipality district MT, in the Araguaia Valley, in a transitional zone between Cerrado and Amazonian. There is a mosaic of vegetation types with the predominance of savannas physiognomies. The aim of this work was to study the floristic composition and the phytosociology of the Cerrado sensu stricto in Água Boa. Ten random plots of 20x50m (1000m²) were sampled. The minimum diameter for measurement of the woody plants was 5 cm at the ground level. Besides the sampling with identification in loco of the species, collection incursions were made in the plots and in nearly areas, to enlarge the study of the floristic composition. Thirty-four botanical families distributed in 60 genera and 80 species were found. The family Leguminosae presented the largest number of species (10), followed by Myrtaceae (7), Vochysiaceae (6) and Malpighiaceae (5). Other 19 families were represented by only one species. The species with higher Index of Importance Value were Curatella americana, Qualea parviflora Mart., Callisthene fasciculata Mart., Mezilaurus crassiramea (Meiss) Taub. and Byrsonima crassa Nied. Thirteen species were represented by only one individual. The density was of 995 plants/ha and the basal area was of 7,5 m2 /ha. The Shannon index (H') was 3,69 evidencing the high diversity of the area.
Licença: Acta Botanica Brasilica - Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons. (Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0) ). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0102-3306&lng=pt&nrm=iso. Acesso em; 23 abr. 2012.
Aparece nas coleções:EFL - Artigos publicados em periódicos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons