Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/10328
Título: Desenvolvimento inicial e repartição de biomassa de amburana cearensis(Allemao) A.C. smith, em diferentes condições de sombreamento
Título(s) alternativo(s): Initial growth and biomass allocation of Amburana cearensis (Allemao) A.C. Smith, under different levels of shade
Autor(es): Ramos, Kennya Mara Oliveira
Felfili, Jeanine Maria
Fagg, Christopher William
Silva, José Carlos Sousa
Franco, Augusto César
Assunto: Florestas
Luz
Reflorestamento
Biomassa
Data de publicação: Abr-2004
Editor: Sociedade Botânica do Brasil
Citação: RAMOS, Kennya Mara Oliveira et al. Desenvolvimento inicial e repartição de biomassa de amburana cearensis (Allemao) A.C. smith, em diferentes condições de sombreamento. Acta Botanica Brasilica, São Paulo, v. 18, n. 2, abr./jun. 2004. Disponível em:<http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000200014&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 24 abr. 2012.
Resumo: Amburana cearensis é espécie de distribuição ampla no Brasil, ocorrendo no Norte, Nordeste e Centro-Oeste, nas florestas estacionais nos ecótonos floresta/cerrado ou floresta/caatinga. É espécie de elevado valor comercial, estando ameaçada de extinção pela exploração intensiva de sua madeira e ausência de reposição. Pouco se conhece sobre crescimento e alocação de biomassa de espécies defloresta estacional em função do sombreamento. Espera-se que estas espécies apresentem plasticidade fenotípica, uma vez que estão sujeitas a forte gradiente estacional de luz em seu ambiente natural, em adição às variações de luz usualmente encontradas sob o dossel. Estudos desta natureza podem levar a um melhor entendimento do funcionamento dos ecossistemas de florestas estacionais e da silviculturada espécie. O objetivo deste trabalho foi estudar o desenvolvimento de mudas de A. cearensis, sob diferentes níveis de sombreamento (0%, 50%, 70% e 90%) em viveiro. As mudas foram submetidas aos tratamentos aos quatro meses de idade e o delineamento experimental foi inteiramente ao acaso, com 25 repetições por tratamento. As medidas de altura, diâmetro do coleto e número de folhas foram efetuadasdesde o início dos tratamentos, até as mudas atingirem 16 meses de idade. A massa seca aérea e subterrânea e o comprimento da raiz foramdeterminados quando as mudas estavam com 19 meses de idade. O desenvolvimento inicial da espécie, em viveiro, foi condizente com ospadrões esperados para as espécies de floresta estacional, desenvolvendo-se melhor nas condições menos sombreadas e investindo naformação de raízes tuberosas. Desta maneira, a biomassa total foi maior a 0% (10,55g), seguido de 50% e 70% de sombreamento, enquantoa menor média foi encontrada a 90% (4,59g) de sombreamento. Para as plantas em pleno sol, cerca de 80% da biomassa total estava nosistema radicular. O alto investimento em sistema radicular manteve-se nos demais tratamentos. Com base no seu desenvolvimento inicial,sugere-se a introdução desta espécie em estádios iniciais de recuperação de florestas estacionais degradadas, assim como testá-la para reflorestamento. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Amburana cearensis has a wide geographical distribution throughout the seasonal forests and transition zones forest/savanna (Cerrado) and forest/dry seasonal forests (Caatinga) in the North, Northeast and Central Brazil. It is under threat due to over exploitation of itsvaluable timber and the massive convertion of the forests into agricultural land. Little is known on the growth and biomass allocation ofthe seasonal forests species. The hypothesis is that those species show some degree of phenotipic plasticity due to the strong seasonallight gradient found under natural conditions, in addition to those variations usually found under the canopy. This study can contributeto a better understanding of the functioning of the seasonal forest ecosystems and also to the silviculture of this species. The objectiveof this work was to study the growth and biomass allocation of seedlings of A. cearensis under full sun and three shading levels, innursery conditions. The shading levels averaged 0%, 50%, 70% and 90% of the full sunlight. The experimental design was randomizedwith 25 replicates per treatment. Height, stem base diameter, number of leaves and leaflets were monitored from four months till 16months of age, and dry matter was analyzed at 19 months of age. Biomass accumulation was affected by the shading levels. The total biomass was higher under full sunlight (10,55g), followed by 50%, and 70% shading, while the lowest average was found under 90%(4,59g). Eighty percent of total biomass was found in the roots for the unshaded plants. This pattern of biomass partioning predominantlyto roots occurred in all treatments. The initial development under nursery conditions indicates that this species could be introducedduring the early stages of a program to reclaim degraded seasonal forests, as well as used in plantation trials.
Licença: Acta Botânica Brasilica - Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons. (Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0)). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0102-3306&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 24 abr. 2012.
Aparece nas coleções:EFL - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_DesevolvimentoInicialReparticao.PDF67,77 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons