Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/10305
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_AvalizacaoNiveisExtrativo.pdf200,55 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Avaliação dos níveis de extrativismo da casca de barbatimão [stryphnodendron adstringens (mart.) Coville] no Distrito Federal, Brasil
Outros títulos: Evaluation of exploitation levels of barbatimão bark [stryphnodendron adstringens (mart.) Coville] in Distrito Federal, Brazil
Autor(es): Borges Filho, Henrique Cruvinel
Felfili, Jeanine Maria
Assunto: Extrativismo
Barbatimão
Data de publicação: Set-2003
Editora: Sociedade de Investigações Florestais
Referência: BORGES FILHO, Henrique Cruvinel; FELFILI, Jeanine Maria. Avaliação dos níveis de extrativismo da casca de barbatimão [stryphnodendron adstringens (mart.) Coville] no Distrito Federal, Brasil. Revista Árvore, Viçosa- MG, v. 27, n. 5 , set./out. 2003. Disponível em:<http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0100-67622003000500016&script=sci_arttext>. Acesso em: 23 abr. 2012.
Resumo: Este estudo visou subsidiar o estabelecimento de diretrizes para a conservação e o manejo do barbatimão, cuja casca é usada na produção de medicamentos tradicionais, além de ser boa produtora de tanino. A coleta da casca exercida pela população é estimulada por indústrias farmacêuticas e, aos poucos, vem provocando esgotamento deste recurso. Para avaliar o dano extrativista, foram realizados sete caminhamentos, de 2 horas cada, em quatro unidades de conservação no Distrito Federal: um no Arboreto da UnB; dois na ''Matinha'' do Centro Olímpico da UnB, na APA do Paranoá; três na APA Gama e Cabeça de Veado; e um no Parque Ecológico Norte. Nesta ocasião, foram medidos os diâmetros (a 30 cm do solo), as alturas das plantas e os níveis de danos na casca provocados pelo extrativismo. Os danos foram classificados em oito níveis:0 = sem dano; 1 = > 10%; 2 = 11-25%; 3 = 2650%; 4 = 51-75%; 5 = 76-100% de casca removida; 6 = mortas; e 7 = rebrotas. A estrutura diamétrica foi ajustada por regressão, conforme o modelo ''J-invertido''. A freqüência nas classes diamétricas iniciais ficou abaixo do esperado, o que indica que poderá haver redução na densidade desta espécie na porção estudada do Distrito Federal. A avaliação qualitativa indicou que 41% dos indivíduos amostrados apresentaram sinais de extrativismo desordenado independentemente do porte da planta. Deste modo, torna-se importante estabelecer políticas voltadas para o desenvolvimento de técnicas de manejo sustentado e programas de domesticação, assim como a criação de um plano gestor para as unidades de conservação no Distrito Federal.
Abstract: This study provides guidelines for the conservation and management of barbatimão, whose bark is used in the production of a traditional medicine which is being commercialized by the pharmaceutical industry. Exploitation without replacement is causing the reduction of this resource. Thus, seven transects were set up in four conservation units at the Distrito Federal: one in the Arboretum – UnB, two in the Olympic Center Woods – UnB in the Paranoá APA, three in the ''Gama Cabeça de Veado'' APA and one in the Northern Ecological Park. The diameter and the heights of the plants were measured and the levels of bark damage caused by exploitation were registered. A two-hour walk was completed in each transect. Damage was classified in eight categories (0 = no damage, 1 = > 10 %, 2 = 11-25%, 3 = 26-50%, 4 = 51-75%, 5 = 76-100% of removed bark, 6 = dead trees and 7 = resprouts). The diameter structure was fitted to the reversed-J regression model. Frequency at the initial diameter classes was below the expected, indicating that there may be a reduction in the density of this species. Qualitative assessment indicated that two out of five individuals studied showed signs of exploitation regardless of size of the plant. Therefore, it is important to establish policies for a sustainable management plan for the conservation units in the Distrito Federal and also to develop methodologies for cultivation and sustainable management of this species.
Licença: Revista Árvore - Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons (Attribution-Non Commercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0) ). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=0100-6762&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 23 abr. 2012.
Aparece nas coleções:EFL - Artigos publicados em periódicos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons