Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/10210
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_RodrigoMonteirodeCastroSouza.pdf912,48 kBAdobe PDFView/Open
Title: Adaptação brasileira do M-CHAT (modified checklist for autism in toddlers)
Authors: Castro-Souza, Rodrigo Monteiro de
Orientador(es):: Pasquali, Luiz
Horita, Rosa Maria Melloni
Assunto:: Autismo
Diagnóstico
Incapacidades do desenvolvimento
Issue Date: 3-Apr-2012
Citation: CASTRO-SOUZA, Rodrigo Monteiro de. Adaptação brasileira do M-CHAT (modified checklist for autism in toddlers). 2011. 104 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Abstract: O Transtorno Autista é um dos Transtornos Globais do Desenvolvimento especificados no DSM-IV-TR. Suas principais características são a ausência ou pouco desenvolvimento da interação social e comunicação; e comportamentos, interesses e habilidades restritos, repetitivos e estereotipados. Seus sintomas podem ser observados cedo na vida de uma criança e, caso não sejam identificados precocemente, podem prejudicar seu desenvolvimento. A atenção compartilhada, o contato de olhar e a capacidade de apontar para objetos para compartilhar interesse são relatados pela literatura nacional e internacional como indicadores precoces de Transtorno Autista. No Brasil há somente dois instrumentos de triagem traduzidos e ambos a espera de validação. O objetivo do presente estudo é buscar evidências de validade do instrumento de triagem M-CHAT para uma amostra brasileira. Esse instrumento de fácil apuração é composto por 23 itens com escala dicotômica do tipo sim/não e pode ser respondido por pais ou responsáveis de crianças entre 18 e 24 meses. Para que a pesquisa pudesse considerar amostras acima da faixa de idade de 18 a 24 meses, o instrumento, originalmente elaborado no tempo verbal do presente para a faixa de 18 a 24 meses, foi transformado para o tempo verbal do passado e aplicado com texto no presente em pais de crianças entre 18 e 24 meses de idade e no passado em pais de crianças acima de 24 meses. Ao final a amostra totalizou 303 respondentes. A análise dos Componentes Principais sugeriu um componente com 20 itens. Os itens com maiores cargas fatoriais referiram-se à atenção compartilhada. O componente apresentou consistência interna de 0,95. Calcularam-se a sensitividade, especificidade, valores preditivos positivo (VPP) e negativo (VPN) para os critérios de corte do instrumento original e para os seis itens com maiores cargas fatoriais. O escore de seis itens com maiores cargas fatoriais apresentou sensitividade de 0,94, especificidade de 0,91, VPP de 0,86 e VPN de 0,97. O M-CHAT demonstrou diferenciar crianças com suspeita de Transtorno Autista de crianças típicas. Sugere-se a replicação do estudo considerando parâmetros ideais de validação de instrumentos de triagem. Espera-se que a adaptação brasileira do M-CHAT tenha sido uma contribuição valiosa considerando a ausência de instrumentos de triagem com evidências de validade no Brasil. __________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Autistic Disorder is one of the Global Development Disorders specified in DSM-IV-TR. Main features of Autistic Disorder are the absence or poor development of social interaction and communication; and restricted, repetitive, and stereotyped behavior, interests, and skills. Symptoms can be observed early in the life of a child and, if not prematurely identified, this disorder can hamper his/her development. Joint attention, eye contact, and ability to point to objects to share interest are reported by national and international literature as early indicators of Autistic Disorder. In Brazil there are only two screening instruments, which were only translated, both waiting for validation. The aim of this study is to look for evidence of validity of the M-CHAT screening tool for Brazil. This easy handling instrument consists of 23 dichotomic items, such as yes/no, which can be answered by parents or tutors of children between 18 and 24 months old. In order to take into account samples above the age group of 18 to 24 months, the instrument, originally developed in present tense for the range of 18 to 24 months, was transformed to past tense; it was applied in the present tense to parents of children between 18 and 24 months of age and in past tense to parents of children over 24 months. Sample totalized 303 respondents. Principal Components analysis suggested one component with 20 items. Items with greater loadings referred to the joint attention. The component showed internal consistency of Cronbach of 0.95. Sensitivity, specificity, positive predictive values (PPV), and negative (NPV) were calculated to determine a criteria cut for the original instrument, as well as for the six items with greater factor loadings. The score of the six items with greater factor loadings showed sensitivity of 0.94, specificity of 0.91, PPV of 0.86, and NPV of 0.97. M-CHAT showed to differentiate children suspected of having Autistic Disorder from normal children. It is suggested to replicate the study in order to determine ideal validation parameters of screening instruments. It is expected that the Brazilian adaptation of M-CHAT would be a valuable contribution since there is a lack of screening tools with evidence of validity in Brazil.
Description: Dissertação (Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Appears in Collections:PSTO - Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/10210/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.